Interação com a comunidade marcou a primeira gestão de Paranhos

O primeiro mandato do prefeito Leonaldo Paranhos, que se encerra nesta quinta-feira (31), foi marcado pela interação com a comunidade. A comunicação direta com a população e a presença nas comunidades ouvindo reivindicações, discutindo problemas e buscando soluções de forma conjunta, levaram a uma aprovação recorde da administração. Paranhos foi reeleito, em primeiro turno, com quase 72% dos votos válidos.

“Eu sempre digo que o mais importante, nesse mandato que está encerrando, foi exatamente a interação com a população. Eu acho que o resto é consequência. Se você está próximo da população, você consegue enxergar a expectativa das pessoas”, frisa o prefeito.

Para ele, esse contato direto com a população faz com que o poder público tenha um mapa mais próximo da realidade e as ações podem ser desenvolvidas de acordo com o que os moradores de cada localidade priorizam. “Senão fica sempre aquilo que o prefeito imagina para a cidade quando, na verdade, precisa ser aquilo que população imagina”, ressalta.  

Durante os quatro anos de mandato, Paranhos olhou de forma igual para todas as camadas sociais e buscou investimentos em todas as áreas. O mesmo entusiasmo que o prefeito tem ao inaugurar obras como o novo aeroporto, reivindicação antiga da classe empresarial, ele demonstra quando fala dos abrigos de ônibus que estão sendo construídos em todos os cantos da cidade para dar mais conforto aos trabalhadores que dependem do transporte público.

Ouvir as comunidades e entidades classistas antes de tomar decisões, é uma das marcas da gestão Paranhos desde o primeiro mês de governo. Uma das primeiras ações de governo foi a criação do programa Território Cidadão, que dividiu a cidade em 12 regiões para estudar os problemas e buscar soluções conjuntas.

“O que me deu muita satisfação foi termos criado uma ferramenta muito próxima da população, que é o Território Cidadão, no qual a gente leva a equipe ouvir a população e, então, fazemos um cardápio de ações”, diz. Muitas obras em andamento, como a revitalização de 14 avenidas, nasceram de demandas oriundas da decisão da população, ainda em 2017.

CASCAVEL