Maia diz que Bolsonaro tem culpa por 200 mil mortes da covid-19

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), chamou o presidente Jair Bolsonaro de “covarde” em uma publicação no Twitter na tarde deste sábado, 9. Minutos depois, Maia disse que Bolsonaro tem “culpa” pelas 200 mil mortes provocadas pela covid-19.

Primeiro, o parlamentar compartilhou uma nota da coluna Radar, da Revista Veja, que aponta suposta insatisfação do chefe do Planalto com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. “Bolsonaro é covarde”, escreveu Maia ao compartilhar a notícia com o título “Bolsonaro culpa Pazuello por perda de popularidade e atraso da vacina”. A insatisfação, de acordo com a coluna da revista, teria sido manifestada em reunião ministerial convocada pelo Planalto para discutir a vacinação contra a covid-19.

Na sequência da primeira postagem, o presidente da Câmara fez mais uma publicação sobre a situação do novo coronavírus no País. “Bolsonaro: 200 mil vidas perdidas até agora. Você tem culpa.” Nesta quinta-feira, 7, o Brasil atingiu a marca de 200 mil mortes pela covid-19. Bolsonaro disse, naquele dia, que lamenta as vítimas da pandemia, mas que “a vida continua”. Maia disputa com Bolsonaro o controle da Câmara dos Deputados a partir de fevereiro.