Número de vacinados contra a covid com a 1ª dose chega a 77,4 milhões no Brasil

A quantidade de pessoas vacinadas com a primeira dose contra a covid-19 chegou nesta segunda-feira, 5, a 77.487.380, segundo dados reunidos pelo consórcio de veículos de imprensa. O número representa 36,59% da população brasileira. Levando em consideração as pessoas que receberam as duas doses ou a dose única, a quantidade é de 27.365.408, 12,92% dos habitantes.

No total, o País aplicou nesta segunda-feira, segundo dados fornecidos por 26 Estados, 1.398.533, sendo 1.110.292 em pessoas que receberam a primeira dose e 231.145 para quem recebeu a dose de reforço da vacina, necessária para completar a imunização. Houve também o registro da aplicação de 57.096 doses únicas da vacina da Janssen.

São Paulo é o Estado onde a aplicação da primeira dose está mais avançada, em números proporcionais: 43,74% da população recebeu a vacina. Nos dados relativos à segunda dose, a vacinação está mais avançada no Mato Grosso do Sul, onde 22,11% da população recebeu a imunização completa.

Dados do governo federal mostram que até esta segunda-feira 105,4 milhões de doses contra a covid-19 foram aplicadas nas cidades brasileiras. De acordo com o balanço, a maior parte das doses é oriunda do laboratório AstraZeneca, em parceria com a Fiocruz: 46,5%. Vacinas produzidas pelo Instituto Butantan, em parceria com a Sinovac, respondem por 44,4% do total.

As doses da Pfizer são 8,2% dos imunizantes aplicados no País até agora. A Janssen responde por 0,9% das doses. Entre as mais de 100 milhões de aplicações, 74,1% ocorreram para a primeira dose, enquanto 25% foram destinadas à segunda dose e 0,9% correspondem à dose única.