Petrobrás aumenta apoio a projetos voltados para conservação e recuperação do meio ambiente do Brasil

A Petrobrás anunciou que este ano iniciou o apoio a oito novos projetos voltados para a conservação e recuperação de florestas e áreas naturais em diversos biomas do país, por meio do Programa Petrobrás Socioambiental. As iniciativas receberão no total cerca de R$ 27 milhões até 2023 e fazem parte da linha de atuação Clima, que envolve o cuidado com florestas e que contempla ainda outros três projetos já apoiados pela companhia. Os novos projetos, desenvolvidos em estados das regiões Nordeste, Norte e Sudeste do país, também se relacionam com o objetivo global declarado pela Assembleia Geral das Nações Unidas da “Década de Restauração de Ecossistemas“, de aumentar os esforços para restaurar ecossistemas degradados, criando medidas eficientes para combater a crise climática, alimentar, hídrica e impactos negativos à biodiversidade.

A iniciativa é ótima e merece todos os elogios. Talvez, seja a oportunidade para que a empresa realoque, tudo ou em parte, daquilo que é investido pela companhia desde 1980, há 41 anos, no Projeto Tamar. A ideia era salvar as tartarugas que estavam em extinção e, ao que tudo indica, o projeto parece ter já cumprido sua missão.

Da Assessoria