Cotidiano

Beto Preto destaca a importância dos hospitais filantrópicos no atendimento à população

O secretário estadual da Saúde, Beto Preto, fez hoje a palestra de abertura oficial do 12o Seminário Femipa – Federação das Santas Casas de Misericórdia e Hospitais Beneficentes do Paraná – e falou sobre os programas do Governo para as instituições filantrópicas. Segundo o presidente da Femipa, Flaviano Ventorim, o Paraná possui 63 instituições filantrópicas na área da saúde, executando 50% dos atendimentos do SUS no estado e 73% dos atendimentos de alta complexidade. O secretário Beto Preto disse que o atual governo quer ampliar a relação com a filantropia. “O Governador Ratinho Junior ouviu e acolheu as propostas dos filantrópicos. No momento estamos fazendo uma reengenharia dos processos e parcerias na SESA para readequação de recursos. Sabemos que os hospitais filantrópicos são importantes na estrutura de atendimento à saúde, e reconhecemos também que temos que ajudar aqueles que nos ajudam a fazer a saúde dos paranaenses”, disse. “Temos como meta trabalhar a transparência e a inovação em todas as áreas, seja na forma de gestão das instituições ou na redefinição dos perfis assistenciais dos hospitais”, informou Beto Preto. O secretário disse ainda que todas essas propostas passam pela meta maior da regionalização dos serviços de saúde no Paraná. “Buscamos um olhar mais especializado na assistência à saúde, gastando menos e aplicando melhor os recursos, este é nosso compromisso”. O 12o Seminário Femipa discute as inovações e as boas práticas na área de da gestão hospitalar.  Segue até amanhã, na sede da Associação Médica do Paraná, em Curitiba, e registra mais de 450 participantes, representantes das instituições filantrópicas que atuam no estado.