Esporte

Campeonato Brasileiro de Badminton é uma janela de oportunidades

Até domingo Toledo será quadra para potencialização de talentos da modalidade
(Foto: Divulgação)

Uma quadra transformada em sete. O Ginásio de Esportes Alcides Pan recebe, a partir de hoje, a I Etapa do Torneio Nacional de Badminton. A competição, que reúne mais de 330 atletas de 17 Estados, é uma vitrine de talentos da modalidade e ainda conta pontos na classificação para os campeonatos Sul e Pan-Americanos. A estrutura e a organização de Toledo, que já havia sediado a competição em 2015, foram fatores fundamentais para que a Confederação Brasileira de Badminton (CBdB) escolhesse novamente o município.

Patrocinada pela Itaipu Binacional, a cerimônia de abertura nesta quinta-feira (22), foi animada pelas crianças adolescentes do projeto Som da Ação Social São Vicente Paulo (ASSVP), mesma entidade responsável por desenvolver a modalidade na cidade. O projeto da ASSVP forma o Team Ação Social AABT Toledo Badminton, que participa do campeonato com 42 atletas, sendo a maior delegação presente no evento.

A AABT é destaque tanto no Paraná quanto no Brasil. Aliás, a equipe toledana está entre as três melhores do país. "São dez anos de trabalho desenvolvendo e divulgando a cidade de Toledo nos campeonatos dentro e fora do estado e até mesmo do país. Sempre conquistamos bons resultados em competições. Jogando dentro de casa, a nossa expectativa é maior ainda", afirma o coordenador e técnico de Toledo, Valdecir Anacleto.

Dentre os atletas estão Willian Guimarães, Rafael de Faria e Vinícius Alecrim. Os três meninos receberam uma medalha de honra ao mérito por terem conquistado três das cinco vagas para os Jogos Mundiais Escolares na Índia. "Eles chegaram de Mato Grosso do Sul na semana passada. Willian e Vinícius passaram os últimos dois meses treinando na sede da seleção brasileira para este campeonato. Em abril eles vão disputar o título na Índia e a expectativa é a melhor possível", salienta Anacleto.

Presente no evento, o técnico da seleção brasileira, Marco Vasconcelos, destacou que os projetos sociais são fundamentais para desenvolver atletas. "Eu tenho 26 anos de experiência e uma prática para visualizar talentos. São nesses campeonatos que podemos observar o desempenho de cada um e potencializá-los para o futuro. E boa parte destes talentos são jovens e crianças que fazem parte de projetos sociais".

Vasconcelos já esteve em Toledo em 2016 para conhecer o projeto da AABT. "Os atletas de Toledo têm muito potencial, tanto que dois toledanos passaram dois meses treinando na sede da seleção brasileira. A AABT tem realmente formado bons atletas para o Brasil, sempre divulgando e fortalecendo a modalidade", ressalta o técnico.

O superintendente da Confederação Brasileira, José Roberto Santini, diz que o badminton já faz parte da cidade de Toledo. "É uma cidade acolhedora e com uma estrutura incrível. A organização das quadras está incrível e o público está bem entusiasmado. O badminton é o esporte mais praticado no mundo, ficando atrás apenas do futebol. Isso desperta o interesse das pessoas e faz com que a modalidade cresça", destaca Santini.

O secretário municipal de esportes, Emerson Jerônimo, lembra que o projeto começou há dez anos como uma brincadeira. "Nós levamos para as escolas municipais e a aceitação foi muito boa. Foi aí que os atletas começaram a participar de eventos, terem mais treinamentos e o resultado é que hoje somos referência na modalidade tanto no estado quanto no país. É importante termos esse evento em Toledo, pois mostra a seriedade com que trabalhamos para o desenvolvimento de atletas no município". O vereador Valtecir Careca também esteve na abertura dos jogos. "Toledo está de portas abertas para receber os atletas. Sejam bem vindos e sintam-se em casa", finaliza. 

 

PATROCINADORES

A I Etapa do Circuito Nacional de Badminton conta com o patrocínio da Itaipu Binacional e tem o apoio da Empol Embalagens, Nossa Farma, Bompel, Sportland, FM Pneus e Academia ERA Sadia. Além disso, a competição tem a parceria da Associação dos Amigos de Badminton de Toledo (AABT) e do Projeto Ação Social São Vicente de Paulo (ASSVP).