Esporte

Campo Mourão tem começo histórico no NBB

Com forte apoio de sua torcida, Campo Mourão surpreendeu na primeira leva de jogos do NBB CAIXA 16/17 (Foto: Valmir de Lara/Campo Mourão)

Uma equipe nova em especial chamou a atenção na primeira parte do NBB Caixa 2016/2017: o Campo Mourão Basquete. Um dos estreantes da atual edição, a equipe do interior paranaense veio da Liga Ouro 2016 e está fazendo bonito na elite do basquete brasileiro, com campanha histórica no maior campeonato do país.

O peso de ser um “caçula” dentre os gigantes da elite pareceu não ter sido sentido pelos mourãoenses. Logo na primeira temporada, a equipe do técnico Emerson de Souza conseguiu vitórias incríveis: tirou a invencibilidade do Universo/Vitória e ainda superou Vasco da Gama, Brasília e EC Pinheiros fora de casa.

Sétimo colocado, o Leão do Paraná atingiu o melhor início de um estreante vindo da Liga Ouro na história, com campanha de seis vitórias em 11 partidas (54,6% de aproveitamento), a mesma de Bauru e Franca. O desempenho supera os inícios de Rio Claro, Caxias e Vasco da Gama, todos vindos da Divisão de Acesso, em suas temporadas de estreia no NBB Caixa.

“É um momento muito especial para o nosso projeto e para a cidade. Assumimos o compromisso de herdar a vaga da Liga Ouro e estamos fazendo por merecer. Isso só nos faz acreditar que podemos chegar ainda mais longe. Só tenho a agradecer a esses atletas, que entenderam o momento do projeto, que está em construção. Esse comprometimento de todos aqui nos proporcionou esse momento tão especial”, comentou Emerson de Souza.

Mais do que os bons resultados, a equipe virou sensação em Campo Mourão. A cidade é a menor dentre os filiados da Liga Nacional de Basquete (LNB) atualmente, com cerca de apenas 90 mil habitantes. Mas mesmo com este cenário, o apoio do torcedor vem sendo incondicional, e o Ginásio Belin Carolo vem recebendo uma excelente média de público nas partidas.

“Todos da equipe defendem a cidade de Campo Mourão com muito prazer. Não só a cidade, mas também o Estado do Paraná e a Região Sul. Todos lá nos receberam com uma energia impressionante. O torcedor vem lotando o ginásio e não esperávamos tudo isso com tanta força. A equipe está se conhecendo ainda, são 12 jogadores que nunca jogaram juntos. Os resultados nos dão confiança para saber que podemos ganhar de qualquer um”, analisou o armador Cauê Verzola.