Estado

Estudantes do Paraná levam seus projetos para feira de empreendedorismo em Londrina

Ter seu próprio negócio é uma opção cada vez mais frequente entre os jovens. Segundo uma pesquisa realizada pelo Sebrae, 1 em cada 3 empresários (32%) já teve algum tipo de pensamento nesse sentido antes de completar 18 anos. Com intuito de fomentar ainda mais o "espírito" do jovem empreendedor, a rede de ensino Cebrac, Centro Brasileiro de Cursos, promove a 7ª edição da Feira Nacional do Empreendedorismo (FNE), que acontece no dia 26 de abril, em Londrina. São esperados cerca de 2000 visitantes no evento, que premia os melhores projetos de empresas fictícias por seus alunos.

Nesta edição, o evento contará com mais de 200 alunos de todo o país para apresentar mais de 60 projetos inovadores. Os projetos são divididos em três categorias: Indústria, Comércio e Prestação de Serviços, e o melhor de cada uma das áreas será premiado. O objetivo da iniciativa é aprimorar os conhecimentos adquiridos nos cursos, com foco na promoção e disseminação de ideias de negócios relacionados ao empreendedorismo e à sustentabilidade.

Durante as aulas e oficinas, os alunos das unidades do Cebrac de todo Brasil são convidados a gerir empresas fictícias, estruturadas de forma a abordar temas como responsabilidade social, sustentabilidade e uso de tecnologias. Um grupo de jurados avalia os projetos levando em consideração itens como: qualidade do produto, layout, elementos de divulgação, postura empreendedora, inovação e preocupação com sustentabilidade.

As melhores empresas receberão um prêmio da franqueadora. "O aluno terá um motivo a mais para trabalhar a gestão de suas empresas com qualidade e o educador para desenvolvê-los, um verdadeiro trabalho de parceria", diz Patrícia Gomes, supervisora pedagógica do Cebrac.