Economia

"Incertezas têm grande efeito sobre fraqueza industrial", diz Evans, do Fed

O presidente da distrital de Chicago do Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos), Charles Evans, afirmou nesta quinta-feira que a fraqueza de indicadores de produção manufatureira se deve, em grande parte, a incertezas sobre o cenário comercial.

Segundo Evans, as incertezas comerciais geram cautela e causam redução dos investimentos das empresas - o que, segundo ele, foi um dos motivos que levaram o índice de atividade industrial nos EUA elaborado pelo Instituto para a Gestão da Oferta (ISM, na sigla em inglês) ao menor nível em mais de dez anos em setembro.

"Há muitas preocupações sobre efeitos de incertezas sobre as cadeias produtivas", afirmou à Bloomberg News. "Se os agentes precisarem reinvestir, eles têm de saber onde investir".

Contudo, Evans ponderou que o ISM é apenas um indicador, e que é necessário aguardar por mais dados. Ele destacou que os gastos dos consumidores têm tido bom desempenho e que o crescimento econômico está em níveis razoáveis.