Estado

Retomada das obras de duplicação da PR-417 completa um mês

A retomada das obras de duplicação na Rodovia da Uva (PR-417) completou na segunda-feira (11) o primeiro mês dentro do cronograma. O Governo do Estado está investido R$ 32 milhões na modernização de um trecho de 6,2 quilômetros entre o Contorno Norte de Curitiba e a rua Orlando Ceccon, em Colombo, na Região Metropolitana da capital. Os trabalhos foram interrompidos por questões judiciais.

A governadora Cida Borghetti destaca que esta é mais uma obra em rodovias do Estado que trará mais conforto aos paranaenses. “Após o fim das obras, motoristas, pedestres e ciclistas vão contar com um tráfego melhor, mais organizado, e poderão chegar mais cedo e com mais segurança em casa”, explica. O investimento é proveniente do Proinveste, um convênio firmado entre o Governo do Estado e o Banco do Brasil.

A obra está dividida em várias frentes de trabalho e não sofreu atrasos mesmo com a paralisação de uma semana durante os protestos dos caminhoneiros. Os manifestantes bloquearam a passagem dos operários e do maquinário em dois pontos da rodovia, entre 23 e 30 de maio.

“Nós estamos dando total atenção para que esta obra bastante esperada pela população seja entregue no prazo, que é de 12 meses”, afirma o secretário de Infraestrutura e Logística Abelardo Lupion.

De acordo com a Superintendência Leste do Departamento de Estradas de Rodagem (DER-PR), nesta semana estão em andamento a execução da camada de brita graduada e a complementação da drenagem. Em outro ponto há a construção de bueiros e a colocação de novas camadas inferiores de pavimentação. Outros locais estão recebendo pavimentação definitiva, renovação da drenagem e construção de muros de contenção.

 

MOBILIDADE

A duplicação deste trecho da Rodovia da Uva vai possibilitar um avanço na mobilidade urbana de Colombo, já que além da modernização, o trecho no município vai receber ciclovias, novas calçadas com rampas de acesso, semáforos, nova iluminação e canteiro central.