Abertura de mercado do Quênia para o arroz brasileiro

0 137

Brasil e Quênia concluíram as negociações para abertura do mercado queniano de arroz para consumo, após a certificação fitossanitária encaminhada, em 30/11, ao Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) pelo Serviço de Inspeção Sanitária Vegetal do Quênia (KEPHIS).

De acordo com a Secretaria de Comércio e Relações Internacionais (SCRI/Mapa), as exportações brasileiras de arroz e suas variedades alcançaram US$ 657 milhões em 2022, representando 2% do comércio mundial do produto. Os principais mercados importadores do produto brasileiro são México, Senegal, Venezuela, Costa Rica e Gâmbia.

O Quênia importou, em 2022, US$ 290 milhões em arroz. Espera-se que a abertura do mercado queniano para o arroz brasileiro resulte em aumento de US$ 2,15 milhões nas exportações brasileiras, considerando o potencial econômico do Quênia.

No ano passado, o comércio mundial de arroz movimentou US$ 31,2 bilhões, sendo o Brasil um dos dez principais exportadores do produto. A abertura de mais um mercado consolida a posição brasileira nesse setor, que é privilegiada em termos de sustentabilidade e produtividade, e contribui para garantir a segurança alimentar e nutricional.

Trata-se da 72ª abertura de mercado agrícola para o Brasil em 2023. A abertura é resultado das ações de prospecção de mercado e do esforço conjunto entre o Mapa e o Ministério das Relações Exteriores (MRE).

BRASÍLIA

Deixe um comentário