Grupo de Maia deve definir hoje candidato para disputa da presidência da Câmara

Líderes dos partidos aliados ao atual presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), devem definir ainda nesta segunda-feira o nome de quem irá disputar a eleição da Casa, no dia 1º de fevereiro, pelo bloco. O escolhido terá como principal rival o deputado Arthur Lira (PP-AL), favorito do Palácio do Planalto, e já com o apoio de ao menos oito partidos.

Com pressão para definir logo o candidato, o bloco de seis partidos aliados a Maia deve bater o martelo hoje. Apesar de quatro ainda seguirem na disputa interna, dois aparecem com mais força: o do relator da reforma tributária, Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), e do presidente do MDB, Baleia Rossi (SP).

Elmar Nascimento (DEM-BA) perde força devido à costura que o DEM está fazendo para conseguir manter a presidência do Senado. O partido manter novamente o poder das duas Casas, como é atualmente, é algo improvável. Já Luciano Bivar (PSL-PE) já teria sinalizado que o apoio do seu partido é para Ribeiro, o que afunila a disputa.

O que deverá pesar na escolha final é qual candidato tem a maior chance de conseguir o apoio de partidos da oposição. Isso porque PT, PDT, PSB e PCdoB, reúnem mais de 130 deputados e podem definir a eleição.