Ibope aponta vitória de tucano no 1° turno em São Bernardo do Campo

A quatro dias da eleição, Orlando Morando (PSDB), atual prefeito de São Bernardo do Campo, lidera isolado a disputa na cidade e poderá ser reeleito neste domingo, 15, já no primeiro turno. Segundo pesquisa Ibope encomendada pela Associação Comercial e Industrial de São Bernardo divulgada nesta quarta-feira, 11, o tucano conta com 65% das intenções de votos válidos. No levantamento, que foi realizado na cidade entre os dias 7 e 9 de novembro, o segundo colocado é o candidato do PT, Luiz Marinho, que tem 26% das menções.

Rafael Demarchi (PSL) é citado por 5% dos respondentes, enquanto Dr Leandro Altrão (PSB) registrou 2% e Cláudio Donizete e Lourdes da Chapa Coletiva (PSOL) aparecem com 1% das respostas cada um. As intenções de voto em branco ou nulo somam 11%; e os indecisos ou que preferem não opinar são 7%. No último dia 5, o Ibope havia publicado uma pesquisa, encomendada pelo Jornal Diário do Grande ABC, que mostrou Morando com 60% dos votos válidos, contra 30% de Marinho, segundo colocado.

O estudo entrevistou 602 eleitores e a margem de erro máxima estimada é de 4 pontos porcentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra. O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% dos resultados retratarem o atual momento eleitoral. A pesquisa contratada pela Associação Comercial e Industrial de São Bernardo do Campo (Acisbec) foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP), sob o protocolo Nº SP-08177/202.

O resultado é um revés para o PT na cidade, que é o berço do partido.

Na pesquisa estimulada, Morando lidera a disputa com 53% das intenções de voto e 32 pontos porcentuais à frente de Marinho, que tem 21% das menções. Rafael Demarchi é citado por 4% dos respondentes, enquanto Claudio Donizete, Dr Leandro Altrão (PSB) e Lourdes da Chapa Coletiva (PSOL) aparecem com 1% das respostas cada um. As intenções de votar em branco ou anular o voto somam 11%; e os indecisos ou que preferem não opinar são 7%. Nesta pergunta, nomes dos candidatos é apresentado aos entrevistados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *