Lira diz que discurso de independência da Câmara ‘parece oposição irrestrita’

O deputado Arthur Lira (PP-AL), candidato à presidência da Câmara aliado ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido), criticou no Twitter o discurso de independência da Casa feito pelo seu oponente na disputa, o deputado Baleia Rossi (MDB-SP), pelo grupo do atual mandatário, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Rossi foi anunciado como candidato do grupo nesta quarta-feira (23). Em seu discurso, disse que o que une o bloco é a “defesa intransigente” da democracia e que “uma Câmara livre e independente é o melhor para o futuro do País.”

“Independência brandida em slogan parece oposição irrestrita. Não é, nem será. A Câmara sempre será autônoma no seu funcionamento”, respondeu Lira, em sua página na rede social nesta quinta-feira.

Segundo Lira, o que precisa ser preservado é a harmonia entre os poderes, definido por ele, como o princípio constitucional que prevê que os poderes convivem num sistema de pesos e contrapesos “com alguma fricção”. “E isso envolve diálogo e respeito ao espaço e voz de cada um.”