Rodrigo Pacheco cerca bancada mineira para atrair apoio do PSD no Senado

O líder do DEM no Senado, Rodrigo Pacheco (MG), tenta o apoio da bancada de Minas Gerais para fechar uma aliança com o PSD na eleição do Senado. Pacheco é candidato à presidência da Casa apoiado pelo atual chefe do Legislativo, Davi Alcolumbre (DEM-AP). Nesta terça-feira, 5, Pacheco está reunido com o presidente do PSD, Gilberto Kassab, em Belo Horizonte, na residência do prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD). Os senadores Antonio Anastasia (PSD-MG), Carlos Viana (PSD-MG) e Otto Alencar (PSD-BA), além de deputados estaduais do partido, também participam do encontro. Pacheco é visto como uma “sombra” para Kalil na disputa pelo governo de Minas em 2022. A tentativa do senador é minar as resistências para atrair o apoio do PSD no Senado. O partido tem a segunda maior bancada da Casa, com 11 integrantes.