‘Todo chefe do Executivo tem alguns PFs ao seu lado’, afirma Bolsonaro

Em evento de formatura da Polícia Federal, o presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira, 14, que todo chefe do Executivo tem alguns PFs ao seu lado. Em maio, Bolsonaro chegou a indicar Alexandre Ramagem, um aliado próximo, para o comando da PF, mas a nomeação foi barrada pelo ministro Alexandre de Moraes do Supremo Tribunal Federal (STF).

A mudança no comando da PF foi o pivô das divergências do presidente e o ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro. O comando da instituição agora está nas mãos de Rolando Alexandre, considerado o braço direito de Ramagem quando atuava na Agência Brasileira de Inteligência (Abin).

“Ouso até dizer que todo chefe do Executivo tem alguns PFs do teu lado, porque só assim há certeza que a missão será cumprida. Vocês nos protegem muitas vezes, nos dão esperança em outras oportunidades que dá para mudar o Brasil”, disse o mandatário.

Nesta segunda-feira, o presidente participou da cerimônia de encerramento dos cursos de formação de novos delegados e peritos criminais. No evento, ele ressaltou que o trabalho da Polícia Federal é reconhecido no País e se disse orgulhoso por ter um filho que é parte da instituição, em referência ao deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP).