Coluna do Editor
Coluna do Editor 29/05/19

Exagero

Nada contra as Moções de Aplauso ofertadas pelos vereadores em Toledo. É uma das maneiras encontradas para manifestar o reconhecimento por algum tipo de ação que mereça destaque. Embora eu tenha restrições quanto a isso, não posso ir contra quem pensa o contrário. Mas é preciso começar a regulamentar a bagunça, até porque na última sessão ordinária na Câmara Municipal houve, em minha visão, um exagero no número de homenagens entregues. No total foram 27.

 

Atraso

Tanto assim que a sessão ordinária de segunda-feira começou com meia hora de atraso. Aí o início das votações começou por volta das 17h40.

 

Especial

Fica aqui uma sugestão aos vereadores: que se organize uma sessão especial, em outro dia de semana e até em outro horário a fim dos homenageados poderem convidar pessoas próximas ou então ao menos aproveitar o momento.

 

Atropelo

Da forma como está sendo feita hoje é um atropelo. Enquanto uns estão ainda tirando fotos, outros já estão sendo chamados.

 

Extra

Se o problema para tamanha intransigência a fim de realizar outras sessões ao longo da semana, quem sabe se pague um extra aos vereadores para esse fim.

 

Contas

Nesta quarta-feira (29), a partir das 14h, no Plenário Edílio Ferreira, na Câmara de Toledo, a Comissão de Finanças e Orçamento vai receber o prefeito Lucio de Marchi (PP) para a prestação de contas do primeiro quadrimestre de 2019 do Executivo.

 

Vaga

Dentro de alguns dias Ademir Paludo (PP) assumirá uma vaga na Câmara de Toledo. Vagner Delabio (PSD) vai se ausentar por algum tempo para tratamento de saúde.

 

Tempo longo

O vereador apresentou um atestado pedindo 30 dias para tratamento médico, entretanto, adiantou que deverá demorar mais tempo e pediu compreensão dos seus eleitores para esta pausa obrigatória.

 

Velocidade

Por falar em Vagner, ele em julho do ano passado encaminhou um documento ao Departamento de Estradas e Rodagem (DER) pedindo a instalação de um redutor de velocidade no trevo de acesso ao Aeroporto Municipal Luiz Dalcanale Filho. Comentei sobre o assunto no fim de semana e, infelizmente, nem com documento até hoje nada foi feito...

 

Cigano

Sem meias palavras o vereador Genivaldo Paes (PDT) mostrou que a saída de Thiago Stefanello da Assessoria de Governo da Prefeitura de Toledo não foi bem recebida. “Quando um diretor ou secretário é nomeado é preciso que ele faça por merecer. Thiago Stefanello era o salvador da pátria e saiu sem mostrar a que veio”, disparou o vereador que na sequência emendou: “A Prefeitura de Toledo não é casa de passagem ou acampamento de cigano para as pessoas virem só ganhar dinheiro e ir embora”.

 

Gestão

“Ele não fez nada para ajudar a Secretaria de Saúde. Se ele é tão bom para fazer a gestão da saúde, porque ele não fez aqui”, questionou Genivaldo, ressaltando que hoje não existe planejamento e tem gente que só aparece para bater o cartão e receber no fim do mês dentro da Prefeitura. O vereador defendeu o “fim do cabide de emprego dentro do Executivo”.

 

Compromisso

Sobre Thiago, um pouco antes de sair ele tinha dito que seu compromisso era com o prefeito Lucio de Marchi até 2020. Antecipou um pouco o fim do compromisso.

 

Curso

A Acit promove um workshop gratuito sobre as Ferramentas de Compliance: Códigos de Conduta e Canais de Denúncia, nesta quarta-feira (29), a partir das 19h no auditório da associação. O palestrante será Joel Deringue - Consultor de Riscos & Compliance do Sistema Fiep. A inscrição pode ser feita através do site: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSeiAMDHwqwRH9h4Fi4RFqpe9zptdllulfueA6KbSFb4mv9Nrw/viewform

 

Educação

Está prevista para hoje também uma reunião dos diretores de escolas municipais em Toledo. Que tal colocar na pauta quando será resolvido o problema do telhado na Escola Ecológica? Os pais estão – com razão – muito irritados com a demora para uma solução. E olha que documento alertando sobre o fato existe de sobra.