Artigos
Cultivo de framboeseira negra no Paraná

A fruticultura de clima temperado deixou de ser praticada somente em regiões mais frias do país. O melhoramento genético, a evolução das técnicas de manejo e condução do pomar possibilitam a adaptação e produção dessas espécies em diversos estados. A framboeseira negra representa uma ótima opção para a diversificação de pequenas propriedades, por ser rústica e de alta produção. Assim como outras espécies exóticas, apresenta alto valor comercial e a procura nos mercados é crescente pela população. Seus frutos podem ser consumidos in natura, sucos, geleias, doces e compotas. É uma planta arbustiva de porte semi ereto ou rasteiro, apresenta espinhos, os frutos têm sabor ácido a doce-ácido, tem sido bem aceita por sua boa produtividade onde é cultivada. Já existem pesquisas na região oeste do Paraná, que mostram que a época de produção acontece de julho até do fim de novembro, podendo chegar a aproximadamente 3800 frutos por planta. Além de ser uma planta produtiva, seus frutos possuem propriedades antioxidantes, alto teor de vitaminas e baixo teor calórico.

Luciana Sabini da Silva é engenheira agrônoma, mestranda em produção vegetal