Editorial
Pessoas que fazem a diferença

“Ninguém ganha uma placa sozinho. Ninguém faz nada sozinho”. A frase foi dita pelo médico pediatra João Pedro Pontes Câmara, agora oficialmente o nome da UTI Neonatal do Hospital Bom Jesus. Uma justa homenagem a quem, embora realmente não faça nada sozinho, ainda assim assume a responsabilidade para a qual parece ter sido indicado a dedo por alguma força sobrenatural, tamanha a eficiência e dedicação que demonstra no trato com os pequenos, muitos deles ainda minúsculos quando nascem de maneira prematura.

O doutor João Pedro tem razão: ninguém faz nada sozinho e se hoje o Hospital Bom Jesus é uma referência no atendimento na UTI Neonatal é porque há uma equipe de profissionais dedicados e capacitados; há por trás pessoas que se empenham em manter tudo funcionando da melhor maneira; há ainda quem batalhe para conseguir recursos e comprar equipamentos como a nova UTI entregue ontem pelos integrantes do Rotary Club de Toledo – Lago que vai permitir um atendimento de mais qualidade não apenas para Toledo ou os demais municípios para os quais o Bom Jesus é referência, até porque essa unidade recebe pacientes até do Paraguai e Mato Grosso do Sul.

Mas a homenagem ao doutor João Pedro é mais do que justa na medida em que reconhece seu esforço ainda em vida. E como o brasileiro adora prestar homenagens a quem já partiu, como fosse uma afronta reconhecer o mérito de quem merece. Ora, doutor João Pedro está há 20 anos – 18 deles como diretor técnico – na unidade e se ali houve melhorias foi muito por causa de sua obstinação, da persistência em oferecer aos prematuros uma oportunidade não apenas de se manterem vivos, mas sem sequelas.

Ninguém realmente faz nada sozinho, todavia, para qualquer equipe ter sucesso em suas ações é preciso boas lideranças, é preciso à frente pessoas que fazem a diferença. E este pediatra faz muita diferença, seja atraindo novos apaixonados pelo trabalho ali desenvolvido, seja em extrair o máximo de quem está ao seu lado. A homenagem é mais do que justa porque se alguém a merece este alguém atende pelo nome de João Pedro Pontes Câmara que do alto de sua humildade preferiu dividir as honrarias com toda sua equipe, mais uma prova de que humildade é outra característica de abnegados como ele.