Motocana de mais de 30 anos é substituída por novo maquinário em Marechal Rondon

Os registros do setor de patrimônio da prefeitura de Marechal Rondon revelam a inclusão de um trator CBT na frota municipal no ano de 1981 e a adaptação do equipamento Motocana realizada em 1987, portanto, 34 anos integrando a frota da municipalidade.

Motocana é uma empresa de São Paulo que adapta equipamentos que são utilizados em canaviais, porém, o mesmo nome é utilizado no veículo que é adaptado para “agarrar” a cana-de-açúcar para que seja carregada nos caminhões.

Em Marechal Rondon o equipamento ganhou outra finalidade. Tem papel fundamental na recolha de galhos nas vias públicas e por mais de 30 anos cumpriu o seu papel, contribuindo com a limpeza da cidade.

Ainda no ano passado, processo licitatório foi encaminhado pelo município para a aquisição de um novo equipamento, para substituir “a velhinha”. Um trator LS Tractor 4×4, cabinado, foi adquirido ao valor de mais de R$ 234 mil. O maquinário foi encaminhado para São Paulo, onde foi adaptado com o equipamento “carregador de galhos”. O valor do investimento foi de R$ 160 mil, ou seja, no total a nova máquina, depois de pronta, demandou recursos na ordem de mais de R$ 394 mil, oriundos de convênio com a Itaipu Binacional.

São inúmeros os benefícios do novo equipamento, como alcance vertical e horizontal maior (até 7 metros), maior capacidade de carga, possibilidade de alcance em ambos os lados (a antiga possibilitava alcance apenas para um lado), maior segurança para os operadores, entre outros. Ela está em atividade há um mês no município e, segundo a equipe da Secretaria de Agricultura e Política Ambiental, que a utiliza diariamente, já se mostrou muito eficaz.

Quem pensa, porém, que a “trintona” será aposentada, está enganado. Ela continua em atividade, no Ecoponto, em um trabalho um pouco mais leve, sem a necessidade de se deslocar para trechos muito longos. Mas caso seja necessário, ela poderá, sim, voltar para as ruas.

MARECHAL CÂNDIDO RONDON