Câmara reconhece importância do Encontro Regional de Administração em Foz

Legislativo destaca a relevância da escolha da cidade para reaquecimento da economia local

Em junho deste ano Foz do Iguaçu vai sediar o Encontro Regional de Profissionais de Administração. Na oportunidade, devem vir profissionais de toda a região sul para a cidade. A Câmara de Foz apoia e reconhece esse tipo de evento como importante para o município e, sobretudo, para reaquecer nossa economia, uma vez que o turismo de eventos tem extrema importância.

O vereador Kalito (PSD), que representou o Legislativo no lançamento do evento e é delegado do Conselho de Administração pontuou: “O evento traz muitos turistas para Foz, nesse turismo de eventos, nesse reaquecimento da economia. Deixa a cidade como centro dos estudos da ciência da administração. Então todos os conselhos regionais estarão em Foz praticamente durante uma semana”. O parlamentar também ressaltou que ” a cidade será vista como opção central na escolha de eventos desse porte”.

Em alusão ao Dia da Terra, Câmara chama a todos para repensar atitudes

No último dia 22 de abril foi o Dia Mundial da Terra, que nasceu com objetivo de refletir sobre os impactos negativos das ações humanas ao planeta. Após mais 50 anos da criação da data, o alerta é ainda maior: extinção de espécies, mudanças climáticas, falta de preservação e conservação de biodiversidade.

A proposta é repensar atitudes e mudanças de comportamento necessárias. O compromisso precisa ser de todos nós. Sem a Terra não há vida possível.

Comissão Especial do retorno às aulas presenciais anuncia encerramento do trabalho

A Comissão Especial (CE) da Câmara que acompanha o retorno às aulas presenciais do município se reuniu na manhã desta segunda-feira, 25 de abril, para encaminhar o encerramento dos trabalhos, com a finalização do relatório final. A CE é formada por Alex Meyer (PP)- Presidente, Anice Gazzaoui (PL) – Relatora e Edivaldo Alcântara (PTB) – membro.

Durante as atividades da comissão, foram realizadas: visitas às escolas e Cmeis; reunião com secretaria da educação e com o Sindicato dos Professores e Profissionais da Educação da Rede Pública Municipal; Acompanhamento das imunizações.

As visitas às instituições de ensino foram feitas sem aviso prévio, justamente para observar se os protocolos sanitários estavam sendo cumpridos, tais como: distanciamento entre alunos, aferição de temperatura, ventilação adequada nas salas e se as crianças estavam usando máscara e álcool em gel. Ao mesmo tempo, também foi verificado como estava a distribuição dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) aos profissionais da educação.

De acordo com os integrantes da comissão, o relatório deve ser finalizado até 03 de maio para ser lido em sessão posterior, dando conhecimento ao plenário de todo trabalho e conclusões da CE.

Da Assessoria