Prefeito e vice-prefeita acompanham equipe da Cohapar

O prefeito de Maripá, Rodrigo Schanoski, a vice-prefeita, Janaína Müller Geraldi, e secretários municipais acompanharam na tarde de terça-feira (9) o diretor de Obras da Cohapar, Ademir Bier, juntamente com a chefe do Escritório Regional de Cascavel, Lucilei Marchiori Pereira, e o engenheiro, João Luiz, em visita à obra de construção do novo conjunto habitacional que está em andamento o município.

O empreendimento vai contar com 60 moradias em um investimento de R$ 4,8 milhões do Governo do Estado por meio do programa Casa Fácil Paraná. O motivo da visita foi acompanhar o andamento da obra que, conforme o cronograma, está em atraso.

“Há poucos dias, quando estivemos em Curitiba, fomos até a Cohapar para conversar com o Ademir Bier sobre o andamento da obra”, explica o prefeito. “Essa visita aqui hoje é muito importante porque mostra o interesse do Estado em acelerar o ritmo das obras dessas casas, que vão fazer a diferença na vida de 60 famílias maripaenses”, enfatiza.

OPORTUNIDADE DE TRABALHO – Segundo a equipe da Cohapar, parte do atraso se deve ao longo período de chuvas desde o início do ano. Outro fator é a dificuldade de encontrar mão-de-obra no município. A empreiteira responsável pela construção das moradias está trabalhando com efetivo reduzido e trazendo mão-de-obra de outras cidades da região para atuar como servente de pedreiro, por exemplo, pois não está encontrando mão-de-obra no município.

Desta forma, a construtora CN Menezes oferece oportunidades de trabalho para moradores de Maripá. Quem tiver interesse pode entrar em contato com a equipe da Secretaria do Trabalho e Assistência Social para mais informações.

EMPREENDIMENTO – A obra está sendo executada pela construtora CN Menezes, que apresentou a proposta de preço mais vantajosa dentro do procedimento licitatório organizado pela Cohapar. A comercialização das unidades será iniciada a partir de 50% do cronograma de execução.

As moradias terão modelos com 43 metros quadrados e unidades de 50 metros quadrados adaptados para pessoas com deficiência. Os imóveis são divididos em dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço externa, em lotes que permitem ampliações futuras pelos proprietários.

SELEÇÃO – O projeto vai atender famílias com renda de um a seis salários mínimos e oferece facilidades na compra do imóvel, como a isenção de entrada, juros reduzidos e parcelamento em até 360 meses. Para ter a chance de financiar um dos imóveis diretamente com a companhia, os interessados devem se inscrever no cadastro de pretendentes da empresa, disponível no site cohapar.pr.gov.br/cadastro.

Quem tiver dúvidas ou dificuldades de cadastro pode entrar em contato com a regional da Cohapar de Cascavel. O atendimento é prestado exclusivamente por telefone, pelo número (045) 3333-1100, de segunda à sexta-feira, das 13h às 17h ou com a equipe do Centro de Referência em Assistência Social (Cras) de Maripá.

Camila Angst

MARIPÁ