Programa Regional de Governança apresenta relatório de ações e busca aporte financeiro

A última reunião do Conselho de Desenvolvimento dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu e Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), com a Itaipu Binacional e a Superintendência de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti), definiu e avaliou os avanços do ‘Programa Governança, Inovação e Inteligência para Desenvolvimento dos Arranjos Produtivos nos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu’, sua viabilização financeira, implantação e, projetos e ações integradas estruturantes.

Além disso, também foi entregue o relatório das visitas aos 16 municípios lindeiros e reuniões com representantes das administrações municipais, câmaras de vereadores e associações comerciais para levantamento de demandas.

Dentre os destaques, o presidente do Conselho dos Lindeiros, prefeito de Guaíra, Heraldo Trento, ressalta que foi externado à Itaipu Binacional sobre a necessidade de aporte financeiro. “A Seti manifestou que dará suporte, junto com a Fundação Araucária, a algumas das ações previstas”, destaca.

APORTE A PROJETOS E GOVERNANÇA – Conforme Trento, a Itaipu Binacional se posicionou positivamente sobre o aporte financeiro ficando estabelecido dois pontos focais, a Usina de Projetos e a implantação da governança regional.

A Unioeste contribuirá com a cedência dos professores José Ângelo Nicácio e Douglas Roesler, com 20h semanais para o desenvolvimento do Programa.  “Nos próximos dois meses serão definidos detalhes de convênios com a Seti e Itaipu Binacional para as ações a serem desenvolvidas pelos próximos dois anos”, frisa Heraldo Trento.

Conforme o representante da Coordenadoria Técnica da Seti, Paulo Schmidt, a Superintendência de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior já formalizou seu apoio à iniciativa por ter uma relação com a ação esperada em promover o trabalho das universiades para incentivo à parceria de desenvolvimento dos municípios e do Estado. “Assim que estiverem definidos os meios de governança e outros detalhes a Seti deve formalizar o apoio”, destaca

Atualmente há o apoio com o pleito de bolsa que os municípios fazem para contar com um quadro de técnicos nas várias atividades, conforme Paulo Schmidt.

PRÓXIMAS AÇÕES – O professor José Ângelo Nicácio ressalta que haverá continuidade às ações com elaboração de um cronograma de atividades dos coordenadores, Itaipu, Programa Oeste em Desenvolvimento (Pod), Lindeiros, Unioeste e Seti.

Participaram da reunião, o assessor direto da Diretoria Geral de Itaipu, major Washington Vasconcelos Santana, diretor do Campus da Unioeste de Marechal Cândido Rondon, Davi Félix Schreiner e os professores José Ângelo Nicácio e Douglas Roesler. A Seti foi representada pelo coordenador de Ciência e Tecnologia, Marcos Aurélio Pelegrina e pelo assessor Paulo Schmidt. Pelo Conselho dos Lindeiros participaram, o presidente, prefeito de Guaíra, Heraldo Trento e a diretora técnica, Sandra Finkler.

SANTA HELENA