20ª Regional de Saúde está com ocupação máxima nos leitos de UTI contra o coronavírus

A ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) destinados ao tratamento da Covid-19 na 20ª Regional de Saúde de Toledo chegou a 100%, de acordo com os dados atualizados até às 8h40 de quarta-feira (16). Ao todo, a Regional possui 38 leitos de UTI, com a possibilidade de aumentar mais 14.

Em Toledo, a Associação Beneficente de Saúde do Oeste do Paraná (Hoesp), mantenedora Hospital Bom Jesus, possui a capacidade para atender 24 pacientes com a Covid-19 e todos estavam ocupados na quarta-feira.

Em Assis Chateaubriand, na Associação Hospitalar Beneficente Moacir Micheletto, são 14 leitos de UTI credenciados e também todos estavam ocupados. Na última sexta-feira (11), a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) enviou 14 monitores e 14 ventiladores para o município. Os equipamentos irão viabilizar a abertura de 14 novos leitos de UTI no Hospital.

Naquela ocasião, o secretário de Estado de Saúde, Beto Preto, disse que “os equipamentos fazem parte do conjunto de ações que a Sesa tem realizado diariamente para disponibilizar o maior número de leitos possíveis em todo o Paraná”. Ainda segundo ele, há uma previsão de abertura de novos leitos no município de Cascavel.

Segundo o diretor da 20ª Regional de Saúde de Toledo Alberi Locatelli, diante da ocupação total dos leitos de UTI, a regulação vai encaminhar para os hospitais que possuírem vagas. Locatelli ainda explica que existe a expectativa para o começo das atividades dos leitos em Assis. “Neste momento, acontece a contratação de profissionais, o que também não está sendo fácil. Além disso, solicito que as pessoas sigam as orientações das autoridades em Saúde relacionadas a prevenção da doença”.

CASOS – O município de Toledo permanece em uma situação de alto risco para a Covid-19 e na bandeira Roxa, conforme previsto na matriz de risco. De acordo com o porta-voz do Comitê de Operações Emergenciais (COE) e médico Fernando Pedrotti, a taxa de transmissão da doença estava na última semana em 1,59% e, nesta semana, até quarta-feira, tem se mantido em torno de um.

Pedrotti salienta que a Comissão Técnica tem realizado a análise do risco da Covid-19 no município e encaminha, semanalmente, a Análise e o Parecer Técnico com as devidas recomendações para o prefeito Lucio de Marchi. “As principais orientações estão relacionadas aos cuidados, cuidados e cuidados. É preciso evitar aglomerações ou confraternizações e, principalmente, manter a adoção de todas as medidas preventivas”.

A secretária de Saúde Denise Liell e presidente do COE enfatiza a necessidade do cuidado redobrado por parte da população. “Evitar exposição desnecessária, usar máscara, evitar aglomeração, utilizar álcool em gel, higienizar as mãos e todas as medidas já citadas pelas autoridades”. Denise salienta ainda que o problema não é exclusivo de Toledo. “Nós pertencemos a uma rede. Vagas hoje só em Cascavel”.

Quem também tem acompanhado a situação com as autoridades sanitárias de Toledo é o promotor de Justiça – com atribuições a Família, Sucessões e Proteção aos Direitos das Pessoas Idosas – José Carlos Mendes Filho. Segundo ele, o momento é extremamente grave e tem exigido muito das equipes técnicas. “Por enquanto não existe a intenção de expedir recomendação ao Município. A compreensão é a de que as escolhas e as ações devem ser feitas pelas equipes técnicas da área de saúde de Toledo”.

Filho explica que ao considerar o elevado nível do risco de contaminação, as medidas ou restrições sanitárias devem ser pensadas e executadas em sentido amplo. “Na visão da Promotoria de Justiça, nesse momento, uma intervenção setorial (voltada apenas para o público idoso) poderia causar mais confusão e atrapalhar/embaraçar o trabalho das autoridades sanitárias. No entanto, dado o diálogo permanente, continuaremos a monitorar a situação, buscando sempre auxiliar e fiscalizar os trabalhos realizados”.

OESTE – A Macrorregião Oeste é formada pela 10ª Regional de Saúde de Cascavel, 9ª Regional de Saúde de Foz do Iguaçu, 8ª Regional de Saúde de Francisco Beltrão, 7ª Regional de Saúde de Pato Branco e a 20ª Regional de Saúde de Toledo.

As cinco regionais possuem 172 leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI’s) exclusivos para a Covid-19. Do total, 160 estavam ocupados até às 8h40 de quarta-feira (16), ocasionando uma taxa de 93,02% de ocupação.

A taxa de ocupação dos leitos de UTI exclusivos ao coronavírus na Macrorregião está em uma crescente neste mês. No dia 1º, a ocupação estava em 72%. Ontem, o índice estava em 93%. O maior registro foi no último dia 10, quanto chegou a 96%.

Da Redação