Pato Bragado inicia os trabalhos de mais um arrastão contra a dengue

A população de Pato Bragado já pode depositar nas calçadas em frente às residências, os entulhos que serão recolhidos pela prefeitura. Como tradicionalmente acontece, nessa época do ano é realizado o arrastão contra dengue, cuja doença apresenta números crescentes no Paraná e, mais uma vez, é motivo de preocupação para o setor de Saúde.

Conforme a secretária de Saúde Neusa Inês Schirmann, o setor de Endemias da Secretaria de Saúde e a Secretaria de Obras estão mobilizados para o arrastão já tradicional nesse período do ano. Ela explica que em razão da pandemia de Covid-19, algumas restrições impedem os agentes de endemias de adentrar nos imóveis e verificar a questão de acúmulo de entulhos nos terrenos, assim como ocorreu nos anos anteriores. “Dessa forma mais uma vez pedimos a colaboração da comunidade, no sentido de colocar o que não é mais utilizado, principalmente recipientes que acumulam água e servem de criadouro para o mosquito, para que assim, todos possam iniciam o novo ano de forma tranquila”, salienta.

MUITO PRÓXIMO – Por se tratar de um mosquito antropofílico, ou seja, que vive em íntima associação com os seres humanos, o Aedes aegypti busca abrigos com condições mais favoráveis nas casas das pessoas. O objetivo é se proteger das condições mais extremas de altas temperaturas do lado externo e a prevenção é a melhor estratégia de combate às doenças transmitidas pelo Aedes aegypti, em qualquer época do ano. O arrastão encerra no dia 18 de dezembro.

Da Redação