Operação Natal: para coibir o crime, PM intensifica policiamento

A Polícia Militar do Paraná lançou a Operação Natal. Em Toledo, o lançamento oficial ocorreu no período da manhã da segunda-feira (7). Policiais do 19º Batalhão da Polícia Militar (BPM) estiveram concentrados próximos ao cruzamento das ruas Barão do Rio Branco com a Largo São Vicente de Paulo.

Durante este mês de dezembro, a área comercial da cidade receberá um reforço no policiamento ostensivo. A unidade móvel do 19º BPM integra as ações dessa Operação.

Conforme o comandante do 19º BPM, tenente coronel José Osmar Novach, a Operação Natal visa intensificar o policiamento ostensivo, com ações preventivas e repressivas, com o intuito de assegurar a tranquilidade da população. Ele pontua que a Operação é voltada ao comércio local, neste período de maior concentração e compras voltadas as comemorações natalinas, além de trazer mais segurança diante do horário de circulação diferenciado.

“Essa época do ano a movimentação financeira é maior e requer um reforço do policiamento além do já habitual realizado nos municípios. As ações da Operação de Natal acontecem em toda a área de abrangência do 19º BPM – que envolve 23 municípios”, explica o comandante ao salientar que cada cidade tem suas particularidades e necessidades específicas.

O comandante alerta que a PM trabalha para combater a criminalidade e alerta que a população esteja sempre em alerta para auxiliar nessa luta. “Devido a

movimentação de pessoas e o grande fluxo de dinheiro é importante que o comércio tenha alguns cuidados como evitar deixar grandes valores em dinheiro no caixa, preferir a compra com o cartão, manter o estabelecimento bem iluminado no período noturno”.

DECRETO ESTADUAL – Em relação ao decreto estadual referente às ações de combate a Covid-19, Novach esclarece que cada órgão tem sua competência e que a Polícia Militar estará agindo nos momentos de descumprimento das situações citadas como toque de recolher e festas e eventos acima de dez pessoas como rediz o decreto. “Realizamos a primeira orientação se não houver o entendimento das pessoas e não recuarem das atividades que estão desenvolvendo irregularmente, aí a polícia autua”.

MAIS SEGURANÇA – Nos horários críticos, considerados como os mais propícios para ações dos criminosos, os policiais das Rondas Ostensivas Tático Móvel (Rotam), da Patrulha Escolar e do Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron) prestam reforços para intensificar o policiamento. As rondas acompanham o horário especial de funcionamento do comércio.

A ideia de mais policiamento nas ruas permite que os cidadãos se sintam mais seguros. A vendedora, Tania Mara, parabeniza a ação dos policiais. “Temos a expectativa de que tenhamos boas vendas diante de um ano com tantas complicações. Podermos contar com esse reforço no policiamento é uma forma de inibir o crime e deixar a população – empresários, funcionários e clientes – mais segura”.

Da Redação

TOLEDO