Turista canadense morre após tirar selfie nas Cataratas

0 5

Um corpo foi encontrado no final da tarde desta terça-feira (18) no Rio Iguaçu, próximo à Ponte Tancredo Neves. O corpo é de um turista canadnese que desapareceu na segunda-feira (17), no lado argentino das Cataratas do Iguaçu.

O corpo foi encontrado por tripulantes de uma embarcação brasileira. A imprensa de Puerto Iguazú informa que as características do corpo encontrado coincidem com as do homem que percorria o Circuito Superior, em uma das três trilhas panorâmica do Parque Nacional Iguazú, na Argentina. A queda teria ocorrido nas imediações do Salto Bossetti. Não se sabe ainda se o turista caiu ao tentar tirar uma selfie (como é chamado o autoretrato fotográfico) ou se ele teria cometido suicídio, uma vez que testemunhas dizem que antes da queda, ele teria tirado o calçado, como uma espécia de preparação para o ocorrido.

Inicialmente imaginava-se que fosse um turista argentino. Porém, a hipótese mais provável é de que o desaparecido seja um canadense de 58 anos, hospedado em um hotel de Puerto Iguazú. Ele foi visto pela última vez na manhã de segunda-feira, quando seguiu de táxi para o lado argentino das Cataratas e não retornou.

As autoridades argentinas investigam as circunstâncias da queda e consideram, até o momento, inconsistente a versão de que o homem teria subido em uma grade para tirar uma selfie e caído acidentalmente nas águas.

O corpo foi conduzido ao Instituto Médico Legal (IML) de Foz do Iguaçu por ter sido encontrado próximo à margem brasileira do Rio Iguaçu. Nele serão feitos exames protocolares sobre a causa da morte e coleta de informações que auxiliem na identificação oficial da vítima.

Fonte: Portal da Cidade

Deixe um comentário