Alunos de Direito da FAG emplacam cinco artigos em publicações internacionais

Acadêmicos do curso de Direito da FAG Toledo emplacaram a publicação de três trabalhos de conclusão de curso na revista científica Research, Society And Development. A publicação, segundo a Associação Brasileira de Editores Científicos (ABEC) possui o selo Qualis A3, ficando entre as melhores publicações do mundo.

Um dos trabalhos que ganhou atenção e a aprovação do periódico foi o artigo “Mínimo existencial e reserva do possível nas demandas de saúde e as consequências para o princípio da igualdade”, trabalho assinado pelo formando Rodrigo Antonio Bilibio, com orientação do professor Marco Antonio Batistella Longo.

O segundo artigo publicado foi sobre “Viabilidade jurídica acerca da ampliação da licença maternidade”, de autoria da acadêmica Gilmara Dias Galvão Carmizini com orientação da professora Raquel Lauriano Rodrigues Fink. O terceiro trabalho que ganhou as páginas da revista foi o artigo “A guarda compartilhada de animais domésticos no Brasil” de autoria da acadêmica Elidsandra Oliveira da Silva e orientação do professor Eduardo Maffei.

Além destas publicações, o acadêmico Luiz Fernando Adams também emplacou seu artigo “Psicopatas e As Sanções Penais Aplicadas” na Revista Ibero-Americana de Humanidades, Ciências e Educação com selo Qualis B4. O Trabalho teve orientação da professora Camila Milazzotto Ricci, que também é coordenadora do curso. O mesmo periódico aceitou o artigo Crime Impossível: O artigo 17 do Código Penal, de autoria da acadêmica Andreia Dalla Costa. A pesquisa da discente foi orientada pelo professor Edson Perlin.

COMPROMISSO – De acordo com a coordenadora de Direito, as publicações resumem o compromisso do curso em formar profissionais de excelência e pesquisadores comprometidos com a sociedade. “A pesquisa é uma importante base da trajetória acadêmica, e ela precisa estar coordenada com o ensino e extensão. Nossos trabalhos de conclusão de curso há muito tem se voltado para questões relevantes da nossa experiência no NPJ e dos estudos feitos em sala de aula, e por isso, as pesquisas que frutificam dessa metodologia oferecem uma reflexão importante para problemas atuais e relevantes da atualidade no Direito”, afirma.

Ela ressalta o orgulho de coordenar o curso de Direito, que coleciona conquistas. “Nossos docentes orientadores liderados pelo professor Saulo Sbaraini Agostini que é o responsável pela pesquisa no TCC no curso têm feito um trabalho primoroso com nossos alunos e alunas. Estamos muito orgulhosos de todos os trabalhos”, finaliza Camila.

TOLEDO