Associação dos Autistas comemora inclusão do símbolo em locais públicos

Legislações buscam facilitar a vida social dos autistas e de seus tutores, tendo em vista os constrangimentos que podem sofrer pelo desconhecimento da população a respeito da síndrome. Em Toledo, a Associação dos Familiares e Amigos dos Autistas (Vida) comemora mais uma conquista.

O símbolo mundial da conscientização sobre o Transtorno do Espectro Autista, chamada de “fita quebra-cabeça”, deve ser incluído nas placas de atendimento prioritário em repartições públicas, empresas concessionárias de serviços públicos e instituições bancárias. A medida divulga a síndrome e alerta para a necessidade de atenção e prioridade que precisa.

Conforme a presidente da Associação Danúbia Portolan, o grupo batalhou para que o símbolo fosse incluído nos locais. “Nós buscamos o auxílio do Ministério Público, Conselho da Saúde e até na Prefeitura”. Danúbia esclarece que a norma existe no Município desde 2018, porém ela não estava sendo cumprida. “Encaminhamos documentos que demonstraram a inexistência da indicação realizada ao Poder Público”.

Depois de quase três anos, a presidente da Associação revela que a entidade conseguiu a inclusão do símbolo nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs), Unidade de Pronto Atendimento (UPA), Pronto Atendimento Municipal (PAM) – Mini-hospital, entre outros locais. “Nós já temos a Carteirinha de Identificação Autista e ela traz facilidade no atendimento, porque recebemos a preferência. É um avanço da entidade para as famílias associadas. Foi uma luta, mas esse símbolo prova que a persistência e as batalhas dão certo. A Associação está em festa com a atitude do Poder Público”, destaca Danúbia.

A presidente da Associação Vida participa de uma reunião com a nova gestão de Toledo nesta quarta-feira (27). “O nosso objetivo é alinhar todos os detalhes das demandas da entidade com o Poder Público. A expectativa é que novos projetos de leis sejam criados pelo Executivo para trazerem garantias ao nosso público”. Uma das demandas citadas pela presidente é a inserção do símbolo dos autistas para garantir as vagas nos estacionamentos.

Da Redação

TOLEDO