Campanha de vacinação contra a gripe entra na segunda fase

Começa hoje (11), a segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza (gripe). No entanto, o município de Toledo ainda registra baixa adesão do público-alvo da primeira fase que começou no dia 12 de abril. Um mês de mobilização e os dados apontam que Toledo está longe da meta que é imunizar 90% das pessoas que compõem os grupos prioritários.

Até a tarde da última segunda-feira (10) foram vacinadas contra a gripe 51% das gestantes; 50% das puérperas; 58% das crianças de seis meses até 5 anos, 11 meses e 29 dias; e 53,7% dos trabalhadores da área de saúde.

A enfermeira da Vigilância Epidemiológica, Rosana Cerbarro, acredita que a baixa adesão da vacinação da Influenza pode estar relacionada ao fato de que muitos profissionais da saúde foram vacinados contra a Covid-19. “Há muitos profissionais que estão aguardando o intervalo das doses ou esperando a segunda dose da vacina contra a Covid-19 para então se vacinar contra a gripe”, explica.

Apesar da baixa adesão, o Município segue o Plano Nacional de Vacinação e começa a imunizar um novo grupo prioritário. “Nesta terça-feira (11) iniciamos nossa fase de vacinação que irá até o dia 8 de junho, porém continuaremos vacinando as pessoas do primeiro grupo”, complementa Rosana.

IMUNIZAÇÃO – A segunda fase da campanha inclui professores e pessoas com mais de 60 anos que serão imunizados contra o vírus que causa os três tipos mais comuns de gripe: “A” (H1N1 e H3N2), “B” e sazonais. A Secretaria da Saúde esclarece que os idosos que receberam a primeira ou segunda dose da vacina contra a Covid-19 precisam aguardar, no mínimo, 14 dias para tomar a vacina contra a gripe.

A vacina contra a Influenza é aplicada nas Unidades Básicas de Saúde do município. Somente as unidades do Bressan/Cezar Park e Concórdia, que estão temporariamente desativadas, ou as do Cosmos e Panorama, que atendem exclusivamente pacientes com sintomas de Covid-19 não realizam essa imunização.

Para a vacinação é preciso apresentar documento de identificação com foto e o cartão de vacinação. Para os professores é obrigatório que eles também tenham em mãos uma declaração do local de trabalho que comprove o exercício profissional. A segunda fase da Campanha de Vacinação contra a Influenza encerra no dia 10 de junho.

A terceira fase irá vacinar integrantes das forças de segurança e salvamento, pessoas com comorbidades, condições clínicas especiais ou com deficiência permanente, caminhoneiros, trabalhadores de transporte coletivo rodoviário, trabalhadores portuários, funcionários do sistema de privação de liberdade e adolescentes em medidas socioeducativas.

Da Redação*

TOLEDO

*Com informações da Assessoria