Conselho da Comunidade de Toledo é referência estadual no atendimento

O Conselho da Comunidade atua no município de Toledo desde 2005. Formado por membros da sociedade indicados por suas entidades, entre elas estão: Lions, Rotarys, Igrejas Evangélicas e Católica, OAB, Associação Comercial, Lojas Maçônicas, Camara da Mulher, Associação Santa Rita de Cássia, Polícia Militar e Civil, Depen, Ciscopar entre outras. A função do conselho é fiscalizar o cumprimento de pena em regime fechado, além de auxiliar o poder judiciário e atuar diretamente com as pessoas restritas de liberdade.

A entidade fiscaliza o cumprimento de pena por meio de vários projetos voltados ao trabalho e ocupação do tempo ocioso. De acordo com o vice-presidente do conselho, Divonsir Cardoso, os resultados apresentados pela equipe em 2019 foram considerados positivos. “Varias atividades durante o ano, fizeram com que o Conselho se fortalecesse mais, consolidando como um modelo para todo o País, com certeza. Graças ao trabalho de toda equipe: Diretoria, Conselheiros, Poder Judiciário, Promotoria e OAB, fomos além do almejado”, destaca.

A importância do grupo para a sociedade toledana, é por meio dos projetos em parcerias com algumas empresas, dar ao preso uma outra alternativa de voltar a ser um cidadão de bem, convivendo com responsabilidade em nossa sociedade e um trabalho de ressocialização dos egressos.

METAS – O principal objetivo da pasta é cumprir junto com a Associação de Proteção e Assistência aos Condenado (Apac), o projeto da obra Física. “Isso era um sonho de toda a equipe do conselho e estamos perante de ver a conclusão desse objetivo”, compartilha o vice-presidente.

Segundo Cardoso, os desafios continuam para o próximo ano, mas é esperado que a equipe dê continuidade ao trabalho. “Estamos sempre pensando em cumprir aquilo que for determinado. Um deles, é continuar trabalhando na ressocialização, procurando fazer com que nossa Cidade seja exemplo, no que diz respeito à segurança e atividades sociais”, aponta.

EQUIPE – O grupo é composto por Assistentes Sociais Maria Soares e Raissa Belle, que coordenam toda a parte de projetos, acompanhamento dos casos de saúde, e atendimento familiar. “É muito gratificante para todos, por ser um exemplo e referência Nacional. Isso só aconteceu e acontece, pela capacidade, pela dedicação e envolvimento da nossa sociedade”, salienta Cardoso.

PROGRAMA – Os projetos Recomeçar e Mãos que criam desenvolvido pelo Conselho da Comunidade, são elaborados de forma gradativa com trabalhos semanais. O material do artesanato é via sistema do recurso do sistema judiciário com uma verba trimestral.

Da redação