Covid e Influenza forçam cancelamento de voo em Toledo

O avanço do número de casos de Covid-19 e Influenza entre os colaboradores da Azul Linhas Aéreas forçou a companhia a cancelar alguns voos neste começo de ano. Milhares de passageiros foram impactados por essa medida em diversos aeroportos do Brasil.

O coordenador do Aeroporto Municipal Luiz Dalcanale Filho, Luciano Puzzi, comenta que o único voo da companhia que sairia na quarta-feira (12) com destino a Campinas (SP) foi cancelado. O aviso desta decisão foi repassado, antecipadamente, pela Azul para base da companhia em Toledo e aos passageiros. A Azul também remarcou as passagens com saída dos aeroportos de Cascavel e Foz do Iguaçu, bem como disponibilizou deslocamento, via taxi, dos clientes até os locais de partida.

“Não houve nenhum contratempo no aeroporto de Toledo. Na última terça-feira (11) tivemos um movimento maior de pessoas buscando informações, mas todos os passageiros do voo de quarta-feira foram informados do cancelamento e realocados para outros aeroportos”, cita ao complementar que até a tarde de quarta-feira (12), o voo desta sexta-feira (14) e os demais da próxima semana estão confirmados no aeroporto de Toledo.

MEDIDA – Em contato com a Azul Linhas Aéreas, a companhia não confirmou as datas de cancelamentos dos voos e qual impacto dessa medida na base de Toledo. A empresa ainda informou que “não está fazendo nenhum recorte regional até porque não temos ‘braços operacionais’ para dar conta do volume de solicitações neste sentido”.

Em nota oficial, a companhia informa que, “por razões operacionais, alguns de seus voos do mês de janeiro estão sendo reprogramados. A companhia registrou um aumento no número de dispensas médicas entre seus tripulantes – casos esses que, em sua totalidade, apresentaram um quadro com sintomas leves – e tem acompanhado o crescimento do número de casos de gripe e Covid-19 no Brasil e no mundo”.

O documento complementa que “é importante ressaltar que mais de 90% das operações da companhia estão funcionando normalmente e que os clientes impactados estão sendo notificados das alterações, reacomodados em outros voos da própria companhia e recebendo toda a assistência necessária conforme prevê a resolução 400 da Anac”.

Da Redação

TOLEDO