Nova sede do Creas II, no Porto Alegre, terá o nome de Ivone Maria Rotta

O Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas) II, que será instalado na esquina das ruas Paraná e Porto União, no Jardim Porto Alegre, terá o nome de Ivone Maria Rotta. A denominação, expressa no Decreto nº 988/2020, foi comunicada pelo prefeito Lucio de Marchi aos familiares da homenageada durante encontro em seu gabinete na tarde desta terça-feira (15), o qual contou também com a presença da vereadora Marly Zanetti.

Filho de “Dona Ivone”, forma pela qual era carinhosamente chamada pela comunidade do Porto Alegre, bairro onde ela e sua família foram um dos primeiros moradores, o secretário da Fazenda, Balnei Lourenço Rotta, destacou que a escolha do equipamento público não poderia ser melhor. “O Creas vai prestar um serviço socioassistencial relevante para milhares de pessoas de nosso município, algo que representa muito a forma como ela se comportava como cidadã, sempre disposta a ajudar os mais necessitados”, recorda.

Lucio de Marchi, que entregou uma cópia do decreto aos familiares, explicou que a intenção inicial do município quando adquiriu o imóvel era a de fazer ali uma capela mortuária, mas entendeu que este se adequaria melhor às demandas que o Creas II virá a ter. “Fico feliz em poder prestar esta homenagem, pois a ‘dona Ivone’ deixou um legado de relevantes serviços prestados nesta área social, sempre fazendo o bem por onde passava”, relata.


A homenageada
Fruto da união entre Reinaldino Klassmann e Rosália Klassmannn, Ivone nasceu em 22 de julho de 1935 em Espumoso/RS, onde conheceu Domingo Rotta, com quem se casaria e teria seis filhos. Ela e sua família vieram para Toledo em agosto de 1964, quando se instalaram no Jardim Porto Alegre e ali construíram uma casa e um depósito para instalação de uma fábrica de bebidas situada na Avenida Parigot de Souza, em frente à Paróquia Menino-Deus, onde atuou como ministra da eucaristia, zeladora de capelinha, sócia do Apostolado da Oração e diversas atividades voluntárias. A vontade de ajudar o próximo sempre a acompanhou, mesmo durante os quatro anos em que travou uma árdua batalha contra o câncer de pulmão, doença causadora de seu falecimento, em 30 de março de 2018, aos 82 anos de idade. 

Da Prefeitura de Toledo-PR

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *