Prefeitura e IAP planejam agilizar a emissão de licenças ambientais

O Governo Municipal tem o intuito de desburocratizar os processos e melhorar os processos para o cidadão. Em reunião realizada nesta sexta-feira (08), na Prefeitura de Toledo, foram discutidas formas de dar mais celeridade no atendimento dos pedidos de licenças ambientais de pequena complexidade e outras demandas relacionadas ao Meio Ambiente. O encontro contou com a presença de representantes da administração municipal e do gerente regional do Instituto Ambiental do Paraná (IAP) em Toledo, Taciano Maranhão.
 
O prefeito Beto Lunitti conduziu a reunião e reforçou a necessidade de um relacionamento harmônico para buscar soluções para as diversas demandas. “Precisamos falar a mesma linguagem, em todas as esferas, seja ela municipal ou estadual. Também vamos apoiar no que for preciso tudo que estiver dentro da legalidade”. Lunitti também propôs analisar a possibilidade de indicar servidores para serem treinados e auxiliarem na expedição de documentos.
 
Uma das formas de melhorar esse atendimento é por meio do Sistema de Gestão Ambiental (SGA). De acordo com o secretário de Desenvolvimento Ambiental e Saneamento, Maicon Stuani, o SGA é uma plataforma onde são emitidas as licenças para fins de meio ambiente. “A intenção é incluir técnicos do município, desburocratizando e acelerando os processos de licenciamento”. A meta, conforme Stuani, é aos poucos trazer o licenciamento ambiental de pequena complexidade para o município. 
 
O encontro serviu ainda para tratar outras demandas pertinentes ao meio ambiente e esclarecer o andamento de alguns trâmites junto ao IAP. Estiveram presentes o vice-prefeito Ademar Dorfschmidt, o assessor especial do Governo Mário Bracht e os diretores da Emdur Ascânio Butzge e Antônio Lange. “A nossa intenção é sempre melhorar o atendimento ao cidadão e estamos trabalhando parcerias para isso”, pontuou Dorfschmidt.

Da Prefeitura de Toledo-PR