Procon fará pesquisa de preços dos materiais escolares

Todo início de ano é comum as famílias destinarem uma parte do orçamento para algumas despesas fixas como o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), e aqueles que têm filhos que estudam, ainda existem as despesas com matrículas, uniformes e material escolar.

Por isso, o mês de janeiro é marcado pela corrida às papelarias para encontrar os melhores preços e os itens que compõe as listas das escolas. Para facilitar essa busca, o Procon de Toledo realiza todos os anos uma pesquisa de preços nos principais estabelecimentos que vendem os artigos de material escolar.

A planilha contém a maioria dos itens indicados nas listas como cadernos pequenos e universitários, lápis, borracha, apontador, lápis de cor, tesoura, cola, papel sulfite, cartolinas, fita crepe, entre outros objetos.

O coordenador do Procon de Toledo, Wellington José de Oliveira, conta que a equipe fará a pesquisa nos próximos dias e os dados serão planilhados. “Finalizamos a lista de materiais e começamos distribuir os ofícios para os estabelecimentos a serem pesquisados. No intervalo de uma semana iremos fazer a coleta para publicação”.

Ele explica que a pesquisa é bem minuciosa e que a equipe avalia cada item da lista e as variedades que o produto tem no mercado. A proposta é mostrar as opções disponíveis para o consumidor e facilitar a busca dos melhores preços. “Ao encerrar a pesquisa a intensão é divulgar no site do órgão para a população tomar conhecimento e fazer a melhor decisão”, conclui.

Da Redação

TOLEDO