Secretarias de Esportes e Lazer e Cultura de Toledo suspendem atividades presenciais

A Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Smel) de Toledo divulgou, na tarde de ontem (7), o ofício circular nº 022/2021 informando que devido ao crescente índice de pessoas contaminadas pela Covid-19, chegando a níveis nunca alcançados em Toledo, as atividades presenciais estão suspensas a partir de hoje (8) até o dia 17 de junho. A Secretaria de Cultura adotou decisão semelhante e também suspendeu as atividades presenciais de cursos.

A secretária de Cultura Rosselane Giordani relata que diante da gravidade e do aumento expressivo do número de casos da Covid-19, a equipe analisou que seria mais seguro, neste momento, não realizar atividades dos cursos de instrumentos de forma presencial. “Nestes dez dias iremos realizar as aulas de forma remota”.

Para a secretária Marli Gonçalves Costa, o objetivo desta decisão é contribuir com a diminuição de casos da Covid-19. “Atualmente, o Pronto Atendimento Municipal (PAM) – Mini-hospital está atuando no limite de sua capacidade. Além disso, a maioria dos profissionais da Secretaria ainda não foi vacinada e parte das atividades acontece de forma coletiva”.

Marli salienta que sempre fez a defesa da saúde e a saúde para todos, no entanto, esse é um momento de cautela. “Sempre defendi a atividade ou o exercício físico como uma ferramenta fundamental para a população ter uma boa qualidade de vida. Porém, devido a condição da pandemia da Covid-19, neste momento é preciso ter cautela. Vamos cuidar das nossas vidas”.

Segundo a secretária, uma das preocupações do gestor é a circulação de pessoas no município. “Ele nos deu autonomia para adotarmos medidas ao enfrentamento da doença e que colaborasse com a queda na circulação de pessoas”, afirma Marli ao enfatizar que já estava dialogando com a sua equipe há alguns dias e acompanhando os dados. “O pico chegou ao limite e é uma situação preocupante. Consideramos essencial a vacinação da maior parte da população e dos profissionais do Esporte, como de outros setores”.

Com relação as atuações dos servidores até o dia 17 de junho, a secretária Marli explica que o profissional deverá aguardar as novas orientações sobre as atividades que serão desenvolvidas no período. “Eles vão cumprir seus horários em locais pertencentes à estrutura da Smel, evitando aglomerações e seguindo as orientações e protocolos de prevenção a Covid-19. Optamos por trabalhar internamente com os profissionais e segurar o volume de crianças e adolescentes, idosos e adultos em cada local”.

Da Redação

TOLEDO