‘A Maldição do Queen Mary’ conheça a história do navio mais assombrado do mundo

0 5.361

O Queen Mary foi frequentado por gerações de ricos e famosos, mas seu legado notável esconde segredos violentos. O terror A MALDIÇÃO DO QUEEN MARY (The Haunting of the Queen Mary), que chega aos cinemas de todo o Brasil em 14 de dezembro, é inspirado nas histórias do navio temido como um dos lugares mais assombrados do mundo.

Confira algumas curiosidades sobre  A MALDIÇÃO DO QUEEN MARY e a história do navio:

1 – A MALDIÇÃO DO QUEEN MARY é o primeiro longa de terror inteiramente filmado no navio, que está atracado desde 1967 em Long Beach, na Califórnia. No filme, quando Anne (Alice Eve), seu marido e o filho Lukas embarcam no navio, uma série de eventos aterrorizantes entrelaçam a família com o passado sombrio do Queen Mary. 

2 – O Queen Mary é tão impressionante quanto pode se esperar de um navio feito pela mesma empresa que o Titanic. Sua construção teve início em 1930 e foi concluída em 1936. Em maio de 1936, o Queen Mary fez sua sua viagem inaugural, saindo do porto de Southampton, na Inglaterra, rumo à Nova York. Ele foi reconhecido como o maior transatlântico do mundo, transportando personalidades famosas, de membros da realeza à celebridades de Hollywood. O navio também foi usado durante a Segunda Guerra Mundial.

3 – A reputação do Queen Mary como um dos lugares mais assombrados do mundo é resultado de diversas histórias trágicas e macabras que supostamente aconteceram no navio. No local há uma placa com o nome de todas as pessoas que morreram a bordo. Relatos sobre atividades paranormais, mortes e assombrações inspiraram o terror A MALDIÇÃO DO QUEEN MARY e seus personagens. 

4 – Os relatos afirmam que pelo menos 48 mortes foram relatadas a bordo, enquanto o Queen Mary estava em serviço como transatlântico. Entre tripulantes e passageiros, o navio fez dezenas de vítimas, além dos muitos rumores de assassinatos e mortes inexplicáveis. Algumas das principais histórias são a de uma menina afogada na piscina da primeira classe que passou a assombrar os visitantes do Queen Mary, e o de um tripulante que foi tragicamente esmagado em uma porta hermética, cujo fantasma segue circulando pela sala de máquinas.

A MALDIÇÃO DO QUEEN MARY contará com apoio de acessibilidade para todos os públicos. Por meio do aplicativo MovieReading, a partir da estreia estarão disponíveis recursos de audiodescrição, legendas descritivas e LIBRAS – Língua Brasileira de Sinais.

Sobre a Diamond Films

A Diamond Films é a maior distribuidora independente da América Latina. Fundada em 2010, se destaca por distribuir os melhores filmes independentes da indústria cinematográfica. Atualmente, a empresa atua em sete países da América Latina: Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Peru e México. No ano de 2016 começou a atuar no mercado europeu, por meio da sua filial na Espanha. No Brasil desde 2013, a Diamond Films distribuiu títulos como ‘Os Oito Odiados’; ‘Lion – Uma Jornada para Casa’, ‘Moonlight – Sob a Luz do Luar’, ‘Green Book – O Guia’, ‘Moonfall – Ameaça Lunar’, ‘No Ritmo do Coração’, ‘Spencer’, ‘A Pior Pessoa do Mundo’, ‘Órfã 2: A Origem’, ‘One Piece Film Red’, ‘Tudo em Todo o Lugar ao Mesmo Tempo’ e ‘Fale Comigo’.

Da Imprensa Diamond Films

Deixe um comentário