Águas-vivas viram atração em biblioteca da Univali em Itajaí

Águas-vivas, da espécie Aurelia aurita,  estão em exposição no saguão da Biblioteca Central do Campus da Universidade do Vale do Itajaí (Univali), em Itajaí. Os animais estão em um aquário cilíndrico e permanecerão no local até o dia 31 de julho.

A espécie em exposição ocorre em todos os oceanos, principalmente no hemisfério norte, mas também é comum no litoral brasileiro. A ação integra o Projeto Jellyfish e é organizada pelo Laboratório de Ecotoxicologia (Letox) da Escola do Mar, Ciência e Tecnologia da Univali.

No projeto são realizados estudos sobre as águas-vivas que ocorrem na costa de Santa Catarina, envolvendo desde o ciclo de vida e biologia dos organismos até as interferências com as atividades humanas, como a ocorrências nas redes de pesca e queimaduras de banhistas nas praias.

Da Assessoria