Clássico do western com James Stewart

Quinto e último western da série que Anthony Mann fez com o astro James Stewart nos anos 1950, Um Certo Capitão Lockhart – The Man from Laramie, no original – narra uma tragédia familiar a que a paisagem, o deserto do Novo México, confere amplitude. Você não precisa ser fã dos filmes do gênero para apreciar Laramie.

O filme passa às 1h22 no TCM. James Stewart persegue o traficante que vendeu armas aos peles-vermelhas e eles mataram seu irmão. É, como muitos personagens do grande diretor, um homem obcecado por vingança. Chega a essa família. O pai domina a região com mão de ferro. Tem dois filhos, e um é adotivo. É o que mais o respeita e ama, mas a preferência pelo filho natural provoca tragédia.

O pai dominador, o dono das terras, tem um sonho recorrente – um homem está vindo para matá-lo. Ele identifica esse anjo da morte em Stewart, mas, atenção, o perigo vem de onde ele não espera.

Admirador de westerns, o crítico André Bazin escreveu sobre Um Certo Capitão Lockhart um de seus mais belos textos em Cahiers du Cinéma, janeiro de 1956. Beauté dun Western. A beleza passa pela paisagem, personagem tão forte quanto o herói e os dois filhos, o bom e o mau. O que parece bom tem um lado sombrio. O mau não é tão mau assim. Mann subvertia códigos maniqueístas de gênero.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *