Exposição de Beatriz Milhazes tem atividades educativas

Paralelamente à mostra, o público poderá participar de encontros online dedicados à produção de Beatriz Milhazes. Com a mediação de educadores do Itaú Cultural, serão discutidas questões como o uso da cor, a escolha de materiais e a recorrência de formas e temas em sua obra. Gratuita, essa atividade ocorre em 13 e 20 de dezembro, das 11h às 12h, com vagas limitadas (inscrições no site itaucultural.org.br). Ao longo do mês de dezembro, o espaço promove ainda uma série de oficinas virtuais sobre práticas de desenho e pintura.

Segundo Eduardo Saron, diretor do instituto, esse tipo de experiência virtual ficará como uma das principais lições do período de pandemia. A ideia, segundo ele, é que os recursos online sejam sempre complementares às exposições, indo além da mera reprodução de conteúdo. Em tempos de distanciamento social, outra aposta, por exemplo, é oferecer aos visitantes o acompanhamento remoto de educadores por meio de videochamada.

Como complemento, o Masp, por sua vez, lança o catálogo da retrospectiva de Beatriz, que será vendido, a partir de janeiro, tanto na loja física quanto no site masploja.org.br (R$ 159).

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.