Nego Di fala sobre rejeição recorde no ‘BBB21’: ‘Fui um idiota’

Um dia após sair do Big Brother Brasil 21 como o maior rejeitado da história do programa, Nego Di deu entrevista para Ana Maria Braga nesta quarta-feira, 17, no Mais Você, e disse que ficou surpreso por ter recebido 98,76% dos votos. O comediante gaúcho, que começou bem no reality como o primeiro líder, acabou fazendo parte do trio de vilões da casa apontado no jogo da discórdia, ao lado de Karol Conká e Projota.

“É um baque, nunca pensei em tamanha rejeição. Nessa noite eu não dormi, não comi, nem mudei de roupa. Fiquei refletindo sobre tudo o que passei e os vídeos que eu vi. Nada me deixou feliz. É muito doloroso escutar as coisas. Lá dentro da casa não temos a visão ampla do que está acontecendo. É incrível o poder de manipulação da Karol. Eu caí no grupo errado, me senti usado à beça”, afirmou.

O humorista disse ainda que se aproximou dos artistas negros que admirava. Ele também se sentiu manipulado por Lumena e seu discurso de militância. “Não tinha a visão do quão grave era essa militância radical. Na minha frente acontecia de um jeito, mas, por trás, era tudo de outra forma, isso acabava por banalizar a causa. Lumena inflama muito, parece que aprecia tocar gasolina. Eu achava que era o jogador, mas, na verdade, era um manipulado. Eu me senti inserido naquele grupo, fiquei feliz em ser acolhido por artistas negros de renome, porém, tudo mudou e cheguei a me sentir expelido. Tive esse sentimento em determinado momento do reality.”

Depois do jogo, vieram as ameaças

Não foi só na casa que Nego Di se sentiu expelido. Fora dela, foi rejeitado por amigos, viu artistas fazendo campanha contra ele e julgando o seu caráter. E o mais preocupante, afirmou, é que está recebendo ameaças. “Meu filho não está podendo ir à escola, minha mãe está apreensiva. A gente erra, mas aqui fora não tem câmeras a todo momento. Quero que saibam que não sou mau caráter, que estava atrás do meu sonho, queria sair melhor do que entrei. Quando cheguei ontem à noite ao hotel pensei que nada tinha sentido. Fiquei devastado.”

A fama de vilão começou quando Nego Di se virou contra seu parceiro Lucas Penteado, que o ajudou a vencer as duas primeiras provas e se tornar líder, mas na semana seguinte ele usou seu poder para vetar o brother de participar de uma prova e ainda disparou um discurso sobre decepção para afastá-lo.

“Lucas era o meu parceiro, sinto pena de a nossa história não ter sido verdadeira. Ele falava uma coisa para mim, outra para a Karol, outra para o Projota. E eu não conseguia ser político, como muitos lá dentro conseguem, me tornei alvo, fui um idiota. Paguei pelos outros. Falei demais e faltou experiência. Tudo o que eu vi de ontem para hoje me deixou triste”, revelou.

“Não tem como não querer fazer diferente. Confiei em pessoas que agiram de má fé, me senti usado. Chegamos ao programa já abalados pelo confinamento de dez dias no hotel, e o meu ainda foi maior pois tive covid antes de entrar no programa e passei por outro confinamento. Muitas vezes não sabemos quem são as pessoas que convivem conosco por 20 anos, imagine por 20 dias? Peço desculpas a minha mãe se eu a decepcionei e ao público. Vou ficar bem”, encerrou Nego Di.