Sistema B é tema de debate on-line e gratuito

Como as empresas podem contribuir para pautas fundamentais como a preservação do meio ambiente e o enfrentamento aos problemas sociais? Uma das respostas para essa pergunta é o Sistema B, um movimento global que dissemina o desenvolvimento sustentável por meio do compromisso de empresas a serem melhores para o mundo. Dentro desse sistema estão as comunidades B, que trabalham para a construção e fortalecimento do ecossistema B para uma nova economia – mais inclusiva e sustentável. Atualmente, são cerca de 3 mil empresas que fazem parte do Sistema B, sendo pelo menos 150 no Brasil. Quem tiver interesse em saber como fazer parte dessa comunidade, quais as vantagens para a empresa, para o meio ambiente e para a sociedade, a Facop (Fundação de Asseio e Conservação, Serviços Especializados e Facilities) promove, no próximo dia 3 de dezembro, às 11h, um encontro com o co-líder da Comunidade B Paraná, Paulo Cruz Filho. O evento é gratuito e transmitido ao vivo no canal do Youtube da Facop (facop.oficial).

Sistema B é tema de debate on-line e gratuito

Como as empresas podem contribuir para pautas fundamentais como a preservação do meio ambiente e o enfrentamento aos problemas sociais? Uma das respostas para essa pergunta é o Sistema B, um movimento global que dissemina o desenvolvimento sustentável por meio do compromisso de empresas a serem melhores para o mundo. Dentro desse sistema estão as comunidades B, que trabalham para a construção e fortalecimento do ecossistema B para uma nova economia – mais inclusiva e sustentável. Atualmente, são mais de 3,6 mil empresas que fazem parte do Sistema B, sendo 186 no Brasil e quatro empresas B, além de duas pendentes – ou seja, em seu primeiro ano de atuação – no Paraná.

O co-líder da Comunidade B Paraná, Paulo Cruz Filho, explica que esse movimento reúne empresas que criam uma rede mundial focada em impacto. “Empresas com práticas incorporadas no modelo de negócio que atuam com impacto social, pensando na comunidade local, nos colaboradores e no meio ambiente. Organizações que estão interessada em entender melhor seu propósito e como fazer negócios gerando um impacto positivo, assumindo a responsabilidade pelos efeitos que elas geram e fazendo algo em relação a isso”, afirma.

Quem tiver interesse em saber como fazer parte dessa comunidade, quais as vantagens para a empresa, para o meio ambiente e para a sociedade, a Facop (Fundação de Asseio e Conservação, Serviços Especializados e Facilities) promove, na próxima quinta-feira, 3 de dezembro, às 11h, um encontro com Paulo Cruz Filho. O evento é gratuito e transmitido ao vivo no canal do Youtube da Facop (facop.oficial). “Falaremos sobre o Sistema B e a ferramenta que ele traz para colocar na prática tudo o que se relaciona ao impacto social das organizações”, adianta o co-líder do movimento.

O encontro encerra um ano de discussões levantadas pela Facop sobre Responsabilidade Social Empresarial. Para a superintendente executiva da Facop, Cássia Almeida, “o objetivo das discussões é entender como a sustentabilidade, a integridade, o compliance e a cadeia de valor se relacionam com o lucro, tão necessário para as empresas. É importante entender como os negócios têm impacto na sociedade e no meio ambiente, porque, embora o lucro seja a meta, ele só poderá existir no longo prazo se as empresas estiverem atuando hoje para criar um desenvolvimento sustentável”.

Serviço

Encontro Facop: Sistema B, com Paulo Cruz Filho

3 de dezembro de 2020, às 11h, no Youtube da Facop (facop.oficial)

Evento on-line e gratuito

Da Assessoria