1º ouro do Maranhão nos Jogos da Juventude, de Stefany Costa, vai para o tio aniversariante

0 84

A primeira medalha de ouro do Maranhão nos Jogos da Juventude foi especial para a família Costa. Edilvan, tio de Stefany Costa, descobriu que a sobrinha iria competir nos Jogos da Juventude justamente no dia do aniversário dele, 13/09. Foi aí que fez em tom de brincadeira, ou de premonição, um pedido: “Stefany vai lá, ganha o ouro e dedica pra mim”. Na prova dos 100m peito, a jovem maranhense de 15 anos, que disputa a primeira edição de Jogos, surpreendeu as favoritas e fechou com 1:15:26 para ficar com o ouro.

“É muito gratificante ganhar esse ouro representando meu estado. Estou muito feliz. Não esperava porque estava muito nervosa, pensei que não ia conseguir. Dedico essa medalha para minha família, para os meus amigos, pai, mãe e pro meu tio Edilvan, porque hoje é aniversário dele. Ganhar a medalha justo no dia do aniversário dele não tem jeito, tem que ser pra ele”, contou Stefany logo após a prova.

O tio agradeceu e parabenizou Stefany. “Fico muito feliz com essa homenagem. Parabéns pela medalha, você é um super talento. O sucesso é todo seu e lhe desejo muitas felicidades”, disse Edilvan.

Mas até conseguir cumprir o pedido, ou a premonição, Stefany, que começou a nadar aos dois anos de idade, teve que superar os próprios medos. “Ela estava bem nervosa, vomitou, chorou antes de entrar na piscina, mas graças a Deus, deu certo.

A prova dos 100m peito teve Gabriela Sell e Helen Bernardi, ambas de Santa Catarina, com prata e bronze. Stefany, que se inspira no campeão olímpico César Cielo, já havia conquistado a prata nos 50m peito. “Eu pretendo continuar treinando no Maranhão, com meu técnico, e trabalhando para trazer mais medalhas”, completou Stefany.

RIBEIRÃO PRETO (SP)

Deixe um comentário