“A segunda melhor cidade do Brasil vive momento especial”, diz Paranhos

0 113

“Cascavel vive um momento especial, resultado das virtudes e da dedicação de uma equipe e de uma comunidade comprometidas com o bem-estar de todos”, disse, na quinta-feira (30), durante a última reunião empresarial da Acic em 2023, o prefeito Leonaldo Paranhos. O gestor foi convidado pela diretoria da Associação Comercial para apresentar um balanço de sua gestão com o tema 2.524 dias de desafios e de oportunidades.

Paranhos falou das dificuldades de administrar um município diante das características do Brasil e de seu atípico calendário eleitoral, mas afirmou que o planejamento é uma ferramenta capaz de prever oscilações e reduzir, diante das medidas certas, percalços mais sérios. Uma das atitudes tomadas pela gestão, que cumpre o seu sétimo ano consecutivo foi, em 2017, dividir Cascavel em 12 territórios. A partir daí, a equipe apurou as necessidades de cada um deles e passou a saná-las.

O prefeito deu números ao público que lotava a Sala Paraná. No início da gestão, lembrou, eram 27 equipes de atenção básica à saúde e agora são 67 com previsão de terminar o mandato com 70. Essa estrutura já permite atender 98% das demandas do setor. Os investimentos permitiram construir 20 novas e revitalizar 19 unidades de saúde, além de construir um laboratório municipal que já superou a marca de um milhão de exames. As estruturas que atendem o programa de saúde bucal ganharam, todas, novos gabinetes odontológicos, pontuou.

A administração adotou uma política continuada de esportes, hoje com 42 modalidades, e investiu em estruturas como arenas e centros esportivos. O Programa Escola Feliz permitiu executar 18 e revitalizar 71 escolas em sete anos. Atualmente, são 10,1 mil alunos matriculados no ensino em tempo integral. Na área da cultura um dos avanços, citou Paranhos, foi atrair para Cascavel uma extensão do Museu Oscar Niemayer, a única do Brasil. Ele enumerou a construção de ecoparques, ecopontos e falou do desassoreamento do Lago Municipal.

Na área da infraestrutura urbana foram implantadas 25 novas avenidas, pavimentados 1,3 milhão de metros de vias públicas e feitos 243 quilômetros de extensão de rede de energia. Ao falar do novo trevo Cataratas e do Aeroporto, Paranhos destacou o apoio de entidades como a Acic. “São obras, conquistas da nossa maturidade”, definiu o gestor. Foram implantados também 1,8 milhão de metros lineares de sinalização, e pavimentados 447 quilômetros de estradas no interior, dando suporte ao futuro Anel Viário Rural.

Paranhos lembrou também de programas voltados à inovação, de parcerias à construção de três mil casas populares, da implantação de 900 abrigos de ônibus e da adoção de programas de desburocratização voltados a facilitar a vida do empreendedor. O presidente da Acic, Siro Canabarro, agradeceu o prefeito e à equipe de secretários e diretores pela apresentação e disse que a entidade, que chega aos seus 64 anos, é e seguirá parceira de todas as ações e projetos destinados a fazer de Cascavel um município ainda melhor e pujante.

CASCAVEL

Deixe um comentário