Aeroporto Regional do Oeste bate recorde e supera 2022

0 387

Um grande marco para a história de Cascavel. O Aeroporto Regional do Oeste – Cel. Adalberto Mendes quebra mais um recorde e termina 2023 com mais de 373 mil passageiros. O número é cerca de 35% superior a marca de 2022 que já tinha sido histórica, com 276.972 usuários.  É Cascavel voando mais alto e se consolidando na rota aeroportuária do Brasil.

A estrutura de ponta recebe passageiros de todo o país e do mundo e proporciona ao cascavelense a chance de desbravar novos destinos. Quem ganha é a cidade, com mais turismo e oportunidade de bons negócios.

O número de voos também acompanhou essa disparada e chegou a marca de 81 voos, 8% a mais que em 2022 quando houve 75 voos. O mês de dezembro foi o que recebeu mais passageiros, com cerca de 35 mil embarques e desembarques em um único mês. O movimento também se deu por conta de novas rotas da temporada de verão.

A novidade que começou em 16 de dezembro animou os cascavelenses. Com voos diretos, sem escalas, para o nordeste brasileiro, os destinos de férias Maceió, em Alagoas, e Natal, no Rio Grande do Norte, impulsionaram os números recordes de dezembro. As cidades são tesouros do litoral brasileiro e estão entre as mais visitadas do Brasil pelas belezas naturais e praias exuberantes e agora os cascavelenses podem apreciar sem precisar fazer nenhuma conexão. Aliás, ainda dá tempo, uma vez que a temporada de verão só será encerrada no dia 3 de fevereiro. É mais um avanço para a malha aérea de Cascavel.

Atualmente, três companhias aéreas têm voos por aqui: Latam, Gol e Azul, com destinos para, além do nordeste, Curitiba, Campinas, Guarulhos e Congonhas. E o objetivo é que a oferta de voos e destinos aumente a cada ano, ofertando mais possibilidades aos passageiros de todo o Brasil, mas principalmente para os moradores de Cascavel e região e, consequentemente, trazendo mais competitividade nos preços de passagens.

Novos destinos também já estão no radar do aeroporto, um deles é Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

CASCAVEL

Deixe um comentário