Cebraspe publica a lista de candidatos que alcançaram a nota mínima  para as provas objetivas do processo seletivo da Itaipu

0 252

O Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) divulgou, nesta segunda-feira (19), o resultado final das provas objetivas para todos os cargos do processo seletivo externo da Itaipu Binacional, a lista dos candidatos que alcançaram a nota mínima para as provas objetivas e o resultado provisório das provas discursivas para os cargos de advogado, jornalista, relações públicas e repórter fotográfico.

A consulta individual dos resultados e acesso à lista dos candidatos que alcançaram a nota mínima para as provas objetivas estão disponíveis no site do Cebraspe: www.cebraspe.org.br/concursos/ITAIPU_23.

Confira, abaixo, as próximas etapas do processo, antes da formação da lista de classificação final para todos os cargos.

Próximas fases

O prazo para recurso contra o resultado provisório da prova discursiva para os cargos de advogado, jornalista, relações públicas e repórter fotográfico começa às 10h desta terça (20) e vai até as 18h de quarta-feira (21).

O edital de resultado final da prova discursiva e de convocação para a avaliação biopsicossocial dos candidatos que solicitaram concorrer às vagas reservadas às pessoas com deficiência e de convocação para o procedimento de heteroidentificação complementar à autodeclaração dos candidatos negros, para todos os cargos, será publicado na data provável de 8 de março, nos sites da Itaipu e do Cebraspe.

O edital de convocação para o teste de aptidão física, somente para o cargo de agente de segurança, será publicado nos mesmos endereços, na data provável de 12 de abril.

O processo seletivo

O processo seletivo externo foi anunciado pela margem brasileira da Itaipu Binacional em 16 de outubro de 2023, para 31 cargos, de níveis médio, técnico e superior. As inscrições foram feitas de 23 de outubro a 13 de novembro.

O processo seletivo atraiu 21.295 candidatos. Do total de inscritos, 2.951 pessoas se declaram negras (pretas ou pardas) e outras 600 com algum tipo de deficiência (PCDs). As provas aconteceram em 21 de janeiro deste ano, em Foz do Iguaçu e Curitiba, no Paraná.

Compareceram mais de 15,4 mil pessoas, conforme dados do Cebraspe. O número corresponde a 71,3% dos candidatos inscritos para os cargos de nível técnico e médio (com abstenção de 28,7%) e 74,1% dos concorrentes para cargos de nível superior (abstenção de 25,9%).

A maior parte dos cargos é para trabalho em Foz do Iguaçu, cidade-sede da Itaipu na margem brasileira, mas há também a possibilidade de atuação em Santa Helena (PR), Guaíra (PR) ou Brasília (DF). A lotação do candidato será informada quando de sua convocação para o suprimento da vaga, conforme a necessidade e conveniência da Itaipu.

A Itaipu Binacional

A Itaipu Binacional é a entidade que gerencia a usina hidrelétrica de mesmo nome, localizada no Rio Paraná, na fronteira entre Brasil e Paraguai, países sócios do empreendimento. Foi, por décadas, a maior hidrelétrica do planeta e bateu sucessivos recordes mundiais de produção anual – o último deles em 2016, com a geração de 103,1 milhões de megawatts-hora (MWh).

A Itaipu adota um sistema de processo seletivo semelhante ao de um concurso público. A diferença na terminologia se deve às características peculiares da natureza jurídica da empresa, que não é uma estatal, mas uma binacional regida por um tratado assinado pelos governos brasileiro e paraguaio. O tratado não estabelece critérios para a contratação de empregados, mas a Itaipu implantou o processo seletivo para democratizar o ingresso na organização.

Deixe um comentário