Acontece – 18/01/2024

0 71

Bia Haddad
A ENGIE Brasil Energia escolheu a tenista Bia Haddad Maia para protagonizar sua nova campanha. A campanha explora as semelhanças entre a vida de um atleta de elite e a de um empreendedor, destacando como ambos enfrentam obstáculos e buscam constantemente superar limites para alcançar o sucesso. Criada pela agência catarinense 9mm, o mote reforça a importância do Mercado Livre de Energia para os empresários e empreendedores, ressaltando como a energia é vital para o sucesso de suas jornadas. O vídeo mostra Bia Haddad em sua rotina diária de treinamento, intercalada com cenas de empreendedores em seus ambientes de trabalho, transmitindo a mensagem de que a busca pela excelência não conhece fronteiras.

Um super feliz aniversário ao amigo, companheiro, compadre Diego Luís Eckstein pela passagem de mais um aniversário. Na foto com a esposa Aícha e meus afilhados ‘fofuchos’: Vicente e Lorenzo

Mamonas em alta
A produção brasileira Mamonas Assassinas: O Filme atingiu, segundo dados oficiais do Iboe/Rentrak, a marca de 700 mil espectadores nas salas de cinema em todo o país. O público cativado pela história vibrante e emocionante dos Mamonas Assassinas demonstrou seu apoio fervoroso, impulsionando o filme a alcançar este feito notável. Desde o seu lançamento, Mamonas Assassinas: O Filme tem conquistado corações e mentes, proporcionando uma experiência cinematográfica única que vai além de uma simples narrativa biográfica. A produção conseguiu capturar a essência e o espírito irreverente da banda, reacendendo a paixão dos fãs e atraindo uma nova geração para a história cativante dos Mamonas Assassinas.

Turismo
Em 2023, as belezas naturais, culturais, gastronômicas e a hospitalidade do povo paranaenses atraíram 603,8 mil turistas estrangeiros, oriundos de países de todos os continentes. Houve crescimento de 15,6% em relação aos 522 mil turistas de 2022. O Paraná foi o 4º principal portão de entrada do Brasil, atrás de São Paulo (1,7 milhão), Rio de Janeiro (948,6 mil) e Rio Grande do Sul (902,4 mil). Os dados se referem apenas a compilados de aeroportos e são do Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur).

Números
Os principais turistas foram de Estados Unidos, França, Espanha, Alemanha, Israel, Paraguai, Argentina, Chile, Uruguai e Reino Unido. Foram 366.548 turistas desses dez países recepcionados em 2023, um aumento de 62% em relação a 2022, quando o Estado recebeu 225.010 visitantes destes países, que historicamente representam o maior número de estrangeiros.

Sofia Prass e Bianca Bier – Foto: Maciel Neto/Anestezia.com

Nespresso
A Nespresso uniu-se à duas marcas inovadoras suíças: Mammut, empresa de artigos esportivos, e HeiQ, de inovação têxtil, para criarem juntas a Extraordinary Jacket, uma peça ideal para quem pratica atividades ao ar livre durante o inverno, ou em lugares frios, e busca estilo e conforto, aliados à tecnologia e sustentabilidade. Disponível em edição limitada nos modelos feminino e masculino, a novidade é voltada para quem pratica corridas, caminhadas e outras atividades em ambiente aberto ou na natureza, como trilhas, escaladas e cavernismo. Ela pode ser encontrada em lojas selecionadas Mammut dos Emirados Árabes, América do Norte, China e Japão, pelo seu e-commerce ou no site da Nespresso Swiss.

Pódio
Os três países que registraram o maior número de turistas ao Paraná foram Paraguai (196,8 mil), Argentina (115,9 mil) e Estados Unidos (13,7 mil) – os mesmos de 2022. O número de turistas chilenos aumentou de 3,9 mil para 10,9 mil. A mesma tendência foi seguida por turistas vindos da Alemanha (de 2,8 mil para 5,6 mil) e Israel (de 2,7 mil para 4,7 mil).

Hevelin e Leonardo – Foto: Maciel Neto/Anestezia.com

Exposição
O Museu Histórico Willy Barth, em Toledo, além das exposições “Eu mulher”, da fotógrafa Gi Costa, e “Vestígios do cotidiano em Toledo na segunda metade do século XX”, abriu uma terceira coletânea de trabalhos está aberta para visitação em espaço que foi criado a partir da reforma pela qual o espaço passou em 2023. É a “Exposição Toledo 24-71”, que apresenta, de forma expressiva e panorâmica, 71 anos de História por meio de duas dúzias de fotografias, documentos, artes e textos. A exposição segue aberta até 15 de março no espaço, que funciona de segunda a sexta, das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30, e, nos dois primeiros sábados de cada mês, das 13h30 às 17h30.

Deixe um comentário