Acontece 24/10/2020

‘Abrace Marajó’
O cantor, Zezé Di Camargo, gravou sua participação musical no projeto “Abrace Marajó”. Também participaram da produção o artista De Lukka – compositor da música – Felipe Duram, produtor e também intérprete. A iniciativa tem o objetivo de ajudar a combater a exploração sexual de crianças e adolescentes, violência contra mulher e todas as formas de violação dos direitos humanos. Todos eles querem lutar pela valorização da vida e proteção dos menores.

Divulgação

 

‘Abrace Marajó’ I
Os habitantes da cidade de Melgaço têm o pior IDH do Brasil. A população também convive com a exploração sexual de crianças e adolescentes. Ela ocorre pelo leito do Rio Tajapuru quando crianças e adolescentes usam canoas na tentativa de se aproximarem das balsas que fazem o transporte de cargas entre Belém e Manaus.

‘Abrace Marajó’ II
O contato inicial é para vender alimentos locais como o açaí, por exemplo, mas, infelizmente, por diversas vezes, essas crianças e adolescentes enfrentam outra realidade. O desafio do projeto é ampliar a capacidade econômica da ilha para que essas vítimas da exploração sexual tenham os direitos garantidos.

Cebolinha
O personagem Cebolinha, uma das mais carismáticas criações de Maurício de Sousa na Turma da Mônica, completa 60. Surgido em 1960 como um coadjuvante nas tirinhas de Bidu e Franjinha, o filho de Seu Cebola e Dona Cebola se notabilizou por pronunciar de forma errada – ou “elada” – as palavras com a letra R, ganhando popularidade entre os leitores.

Cebolinha I
Assim como boa parte dos personagens da Turma da Mônica, Cebolinha foi inspirado em uma criança real, no caso um amigo de infância de Marcio de Sousa, irmão do desenhista. Mas foi o pai de Maurício, Antonio, que teria dado o apelido ao menino, que fazia parte da turminha que brincava pelas ruas Mogi das Cruzes (SP) e que trocava o R pelo L e aplicou essa característica ao personagem.

Cebolinha II
Com sete anos de idade, Cebolinha ficou marcado pelo seu visual de cinco fios de cabelo espetados, mas nem sempre foi assim. No início, ele tinha um cabelo mais volumoso e foi “perdendo” fios ao longo dos anos até ficar com a imagem pela qual nos lembramos dele hoje. Já a característica camisa verde, tem aspiração futebolística: Maurício de Sousa confirmou a preferência do Cebolinha pelo Palmeiras. Ao longo das seis décadas de existência, porém, Cebolinha passou por diversas transformações.

Cebolinha III
Para celebrar a data, a websérie de curtas animados Mônica Toy produziu um vídeo com várias esquetes de alguns segundos protagonizadas por Cebolinha. Além disso, o perfil da Turma da Mônica no Instagram criou um filtro “tlava-língua”, para que os fãs possam deixar suas próprias homenagens ao personagem. (Por André Cáceres/AE/SÃO PAULO)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *