Finanças em tempos de crise | Aprenda como cuidar das suas

Ter um site, uma hospedagem e um domínio é o tripé para qualquer negócio ser visto pelo público na era digital. Poder contar com um site para divulgar a sua empresa ajuda a garantir a presença online, algo que é fundamental para qualquer estratégia de Marketing digital nos dias de hoje, especialmente em períodos de incertezas causada pela pandemia.

 

Nesse contexto, a saída para atender e interagir com os clientes são os canais digitais, as redes sociais, os blogs, o e-mail Marketing e outras alternativas online. 

 

No entanto, é preciso também pensar em como gerenciar as finanças do seu negócio nesses tempos de crise, bem como as suas finanças pessoais do dia a dia. Por isso, confira nesse artigo informações importantes sobre esse tema. 

 

Dicas para gerenciar as suas finanças em tempos de crise

 

A palavra crise, para muitas pessoas, é motivo para entrar em pânico. Porém, é importante encarar a crise sem neuroses, agir racionalmente e respirar fundo. Esses são os primeiros passos para quem quer solucionar algum problema.

 

É óbvio que os gestores não precisam sorrir nesse momento de dificuldades, acreditando que tudo está bem e que a luz no fim do túnel está próxima. Não, nada disso, crise deve ser encarada com seriedade e, acima de tudo, como oportunidade.

 

As crises exigem que os gestores revejam os seus métodos, as suas estratégias e, com isso, usem a criatividade para superar as dificuldades. Além disso, os impactos da crise não afetam apenas empresários, mas as pessoas em geral.

 

Por isso, seja para gerenciar as finanças do seu negócio ou os gastos do seu dia a dia, fique atento para as dicas a seguir. 

 

Avalie as suas reservas financeiras

Sempre que se fala em educação financeira, tudo se norteia  na importância de equilibrar os gastos e os lucros. E para obter esse equilíbrio, a alternativa é poupar. 

 

Além disso, o hábito de economizar possibilita obter uma quantia de emergência que, normalmente, será a sua salvação em situações de emergência. Por isso, quem tem uma reserva financeira é fundamental que as trate com o cuidado que ela merece.

 

A reserva é como um cantil contendo água, ou seja, para atravessar o deserto sem sofrer demais com a sede é necessário abrir o cantil com parcimônia, sempre pensando no dia de amanhã.

 

Ter uma reserva evita que em tempos de “vacas magras” você não tenha que apelar para empréstimos.

 

Não tenha medo de fazer cortes

 

É difícil ter que abandonar um projeto, deixar de lado o sonho de realizar uma viagem ou, até quem sabe, as idas ao cinema nos finais de semana. Porém, é fato que em tempos de crise alguns sacrifícios devem ser feitos. 

 

Sendo assim, é necessário analisar o seu orçamento, os seus lucros e gastos. Com isso, é possível obter uma noção precisa das despesas que podem ser cortadas ou, na melhor das hipóteses, apenas reduzidas.

 

Depois de analisar o impacto da crise nas suas finanças dá para ter uma noção mais abrangente de como serão as entradas de dinheiro nesse período. 

 

Estude novas opções de renda

 

A dificuldade é o combustível da criatividade. É por isso que em tempos difíceis a alternativa viável é se reinventar. É claro que, dependendo da área de atuação, isso é perfeitamente possível.

 

Lembre-se que há a alternativa de oferecer novos serviços ou prestar atendimento a novos nichos. Essa é a hora que profissionais que atuam como freelancers, por exemplo, podem aproveitar a fase e investir ainda mais na presença digital para garantir mais clientes.

 

Ou seja, é a hora de obter um site realmente profissional, adquirir um bom serviço de hospedagem de site e comprar domínio.

 

Dívidas nunca mais

 

Está aí mais uma prova de que efetuar cortes, por mais doloroso que seja, é essencial para driblar os efeitos da crise. Isso ajuda a eliminar uma das principais vilãs da educação financeira: as dívidas.

 

Por isso, mantenha-se a anos luz distante das compras parceladas. Elas são as melhores maneiras para atrair dívidas. 

 

Digitalização faz bem para o seu negócio

 

Utilize estratégias que trazem mais economia para a sua empresa. Se for possível, por exemplo, apele para o Home Office. O Trabalho remoto ajuda a economizar vários recursos.

 

Além disso, tenha estratégias para usar mais e melhor os canais digitais, como as redes sociais, vídeos e e-mail marketing.

 

Conheça algumas ferramentas que auxiliam a gestão das suas finanças

 

As dicas acima mencionadas são importantes, porém, para colocá-las em prática de forma mais fácil, vale contar com uma ajuda da tecnologia. 

 

Por isso, no atual contexto, em que tudo é digital, conheça algumas soluções interessantes em se tratando de gestão de finanças. 

EGestor

 

Essa ferramenta surge como uma boa opção em tempos em que a Computação em Nuvem é um recurso muito importante para a automação e a digitalização dos processos em uma empresa.

 

Ele viabiliza o armazenamento na nuvem, portanto, as informações e os procedimentos do seu negócio podem ser acessados na internet. Isso permite um gerenciamento rápido e fácil, feito de qualquer lugar e a qualquer instante.

 

Além disso, pelo fato de ser armazenado na nuvem, o EGestor não tem a necessidade de ser instalado em um computador, ou seja, ele funciona completamente de forma online por meio do navegador de web.

 

Esse software proporciona um período de 15 dias para testes antes da assinatura de algum plano. Por meio do EGestor você pode efetuar a emissão de notas fiscais, viabilizar o controle de orçamento e gerar relatórios administrativos.

Bling

 

Está aí uma opção que vai ajudar muito quem gerencia uma loja online. Esse software possibilita a integração com diversas plataformas de vendas online, como, por exemplo, o Mercado Livre. 

 

Além do mais, ele permite integração com os Correios e facilita a questão da logística dos produtos

 

É possível usar ainda o software para a impressão das etiquetas do PAC e Sedex, além de oferecer maior controle do estoque e das vendas. O Bling também efetua uma eficiente gestão das contas, fluxo de caixa e da emissão de notas fiscais.

 

Organizze

 

Como o próprio nome aponta, esse software serve para ajudar você a organizar as suas finanças. Para isso, ele permite criar hierarquias e prioridades para determinados pagamentos e gerenciar os seus gastos pessoais.

 

Pode ser usado tanto em desktops quanto em dispositivos móveis. Além disso, ele possui uma versão free, que tem os recursos básicos, mas mais tarde você poderá optar pela versão premium, com alguns benefícios a mais.

 

Ter as finanças em ordem é fundamental, especialmente em tempos de crise

 

Ainda que você possua um site para o seu negócio e um registro de domínio, nunca deve deixar de lado a atenção para o gerenciamento das suas finanças, seja no que diz respeito ao seu dia a dia pessoal, ou na sua empresa.

 

Ter presença digital é fundamental em uma sociedade cada vez mais conectada. Entretanto, os recursos para proporcionar isso também geram custos e precisam ser gerenciados. 

 

A tecnologia de hoje, com os seus recursos online, apresenta ferramentas que facilitam o controle financeiro dos seus negócios. Basta pesquisar e ver qual é o mais adequado para a sua realidade e objetivos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *