Adeus velho Claus…

O esporte toledano se despediu, de maneira melancólica, de um dos seus grande entusiastas nesta segunda-feira (25). O professor Claus Fuchs morreu em sua residência em Toledo, terra que escolheu viver desde 1977, vindo do Rio Grande do Sul, assim como tantos outros migrantes que escolheram o Oeste do Paraná como sua morada.

O secretário André Alcará disse ter sido uma surpresa e que o esporte do Estado do Paraná perdeu um dos seus grandes nomes, tendo sido decisivo ao lado de outras importantes figuras na criação da então Paraná Esporte, assim como também da própria Secretaria de Esportes e Lazer de Toledo. Fuchs foi também grande defensor dos Jogos da Juventude e deixa um legado, afinal, trabalhou de maneira muito intensa na consolidação dos Jogos Abertos do Paraná, onde fez história ao conquistar resultados expressivos com equipes ‘caseiras’.

O professor Claus era um abnegado pela causa do esporte, tanto assim que estruturou a modalidade do vôlei em Toledo e fez muito pela estrutura da natação com o cuidado que teve no Complexo Esportivo 14 de Dezembro, palco de sua última atuação como profissional. Ano passado recebeu a devida homenagem na fase final dos Jogos Abertos do Paraná, competição da qual conhecia de cor e salteado e que sempre tinha uma história, boa, para contar.

E foram muitas histórias em toda sua vida. Nem todas felizes, mas Claus era assim mesmo, um entusiasta por natureza, uma pessoa de gênio nem sempre compreendido e de métodos nem sempre reconhecidos. Mesmo assim seguia sua missão de viver para e pelo esporte. Viveu de maneira intensa, pois não fosse assim não compensava.

Amigo e leal às suas convicções, aguentou firme quando sofreu derrotas fora das quadras, pois as sofridas dentro nunca lhe incomodaram porque era um vencedor por natureza. Com as derrotas aprendeu muita coisa e buscava, à sua maneira, ensinar às novas gerações algo de bom que a história sempre ajuda a criar para quem tem a disposição necessária em aprender. Descanse em paz professor e saiba: o esporte de Toledo sentirá muito sua falta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *